Transporte de cargas especiais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 13 (3017 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Mariana Lages Soriano Pedro










TRANSPORTE DE CARGAS ESPECIAIS














Disciplina: Logística De Transporte Internacional


Docente: Prof. José Roberto Nicoletti


São Paulo
2012
Mariana Lages Soriano Pedro








TRANSPORTE DE CARGAS ESPECIAIS


Estudo de todos os processos logísticos
para o transporte de cargas especiais
para FAAPdo curso de pós graduação
em Comércio Exterior Turma 32









Disciplina: Logística de Transporte Internacional


Docente: Prof. José Roberto Nicoletti


São Paulo
2012

Introdução


O transporte rodoviário é o único modo de transporte que pode levar a carga de um ponto a outro do país devido a sua cobertura geográfica. Infelizmente a malha rodoviária brasileiraainda é extremamente precária e suas estradas, na maioria delas, não possuem a segurança necessária para esse transporte. Aproximadamente 15% de toda essa malha são asfaltadas, e muitas vezes o transporte de produtos considerados primordiais para o comércio com o mundo como o açúcar e a soja, por exemplo, são afetados graças às más condições dessas estradas.


As leis são importantes paragarantir que a ordem seja mantida na sociedade, e no trânsito brasileiro não é diferente.


Para minimizar os transtornos do tráfego brasileiro causados pelas cargas consideradas especiais, a legislação foi analisada a nível municipal, estadual e federal e a partir de então foram criadas regulamentações, onde cada transporte é único e envolve muitas pessoas á disposição para garantir asegurança das pessoas e da carga, além da fluidez do trânsito.


Esse trabalho foi desenvolvido para identificar todos os pontos no processo de transporte de cargas especiais a fim de que sirva de ponto de partida de pesquisas sobre o assunto.
























1 – DEFINIÇÃO DE CARGAS ESPECIAIS


Cargas de dimensões ou pesos especiais, também conhecidascomo cargas excedentes, superdimensionadas, neo granel, entre outras, são assim definidas quando em seu transporte na malha rodoviária brasileira, requerem um planejamento logístico especial, por possuírem peso e/ou dimensões além do limite exigido pelo Conselho Nacional de Trânsito - CONTRAN ou que possuam características físico/operacionais que prejudiquem a segurança e a fluidez do tráfego.Essas cargas podem ser indivisíveis (carga unitária, representada por uma única peça estrutural ou por um conjunto de peças fixadas por rebitagem, solda ou outro processo, para fins de utilização direta como peça acabada ou ainda, como parte integrante de conjuntos estruturais de montagem ou de máquinas ou equipamentos e que pela sua complexidade, só possa ser montada em instalaçõesapropriadas) ou divisíveis.

De acordo com a Resolução 210/06 do CONTRAN, as cargas especiais são aquelas que ultrapassam os limites estabelecidos nessa resolução:

a) Quanto a largura: acima de 2,60m


b) Quanto a altura: acima de 4,40m

c) Quanto ao comprimento total: acima de 19,80 metros*


d) Quanto ao peso: acima de 57 toneladas**

*Essa resolução estabelece um limite decomprimento para veículos de acordo com o seu tipo: não articulados, articulados, etc
**Assim como na informação acima, dependendo do tipo de veículo é estabelecido um limite de peso.

Vale ressaltar que os pesos e dimensões estabelecidos pela resolução 210/06 inclui não somente a carga em si, mas a combinação da carga e seu respectivo meio de transporte. Carga + caminhão.

[pic]

2-ÓRGÃOS REGULADORES

ANTT: Agência Nacional de Transportes Terrestres

É a agência reguladora e fiscalizadora responsável pela maior parte do transporte de carga interno do país.

Responsável pelas autorizações as empresas para operarem serviços de transporte tanto em caráter nacional quanto internacional fiscalizando e aplicando penalidades quando for o caso

Além disso a ANTT é também...
tracking img