Trajetória do serviço social no brasil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1188 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
SERVIÇO SOCIAL

LIDIANE NERI MARQUES

A TRAJETÓRIA DO SERVIÇO SOCIAL NO BRASIL

Rio Branco
2011

Lidiane neri marques

A TRAJETÓRIA DO SERVIÇO SOCIAL NO BRASIL

Trabalho apresentado ao Curso Serviço Social da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina Atividade Interdisciplinar.Prof. Adarly Rosana Goes, Sérgio de Goes Barboza, Lisnéia Rampazzo, Márcia Bastos.

Rio Branco

2011

SUMÁRIO

1- INTRODUÇÃO.............................................. 4

2- DESENVOLVIMENTO.......................................... 5

3- CONCLUSÃO...........................................................................7

4-REFERÊNCIASBIBLIOGRÁFICAS..............................................................................................8

1- INTRODUÇÃO

O Serviço Social surgiu no Brasil,na década de 30 do século passado,registrava-se no país uma intensificação do processo de industrialização e um avanço significativo rumo ao desenvolvimento econômico,social,político e cultural.Tornaram-se mais intensas também as relações sociaispeculiares ao sistema social capitalista.

Quando se coloca em discussão a denominada questão social,dois elementos surgem em destaque:o trabalho e o capital. A resposta a ser dada ao conflito , entre os dois pólos, vai depender da maior ou menor importância que se atribui a um ou outro desses elementos. Para entender melhor essa problemática, considera-se, de início, o trabalho humano,destacando as relações sociais que se desenvolvem no sistema produtivo. Focaliza-se, então, o cerne da questão social, a exploração do trabalho pelo capital, com todas as suas conseqüências para a vida do trabalhador.

O Serviço Social profissional teve suas origens no contexto do desenvolvimento capitalista e do agravamento da questão social. Para compreender as circunstâncias históricas ligadasao surgimento dessa profissão no Brasil, estudou-se o contexto da época em que foi criada no País, a década de 30 do século passado, considerando-se como eixo central da análise a questão social em seus aspectos econômicos, políticos e sociais. Nesse contexto , foi promulgada uma série de medidas de políticas sociais, como uma forma de enfrentamento das múltiplas refrações da questão social, aomesmo tempo em que o Estado conseguia a adesão dos trabalhadores, da classe média e dos grupos dominantes, donos do capital.

2- DESENVOLVIMENTO

A história do Serviço Social está ligada aos fatos históricos e não deve ser entendida como uma cronologia de fatos, mas na sua ligação com contexto geral da sociedade, isto é, a história dos processos econômicos, das classes e das própriasciências sociais.

Inicialmente, o Serviço Social se apresenta envolvido com os interesses da classe dominante, mas antagonicamente, também está sujeito à classe subalterna sendo o mediador entre ambas as classes. A contradição é uma característica presente em países industrializados assim como os altos índices de pauperismo na zona urbana.

Por volta da década de 30, começa haverno Brasil uma urbanização crescente, e as contradições da industrialização fazem surgir as lutas reivindicativas, a classe trabalhadora passa a se organizar, resultando na hostilidade do outro grupo. Nasce neste momento através do papel pacificador por parte do Estado, a institucionalização do Serviço Social que, movido pelas profundas alterações sociais através do processo de transição do modeloagrário-comercial para o modelo industrial, atua frente à “questão social” que é apresentada diante de todos.

Vale ressaltar que a Igreja Católica torna-se fundamental na abertura das duas primeiras escolas de Serviço Social: a Escola de Serviço Social de São Paulo, em 1936 e a Escola de Serviço Social do Rio de Janeiro, em 1937. Além disso, o Estado precisava se legitimar como...
tracking img