Trabalhos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4284 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE UNI FMU
CURSO GERENCIAMENTO DE REDES




Criptografia



























PROF: GIMENES





CARLA DONADON
SAULO HENRIQUE BELCHIOR

SAMIR FERREIRA

RAFAEL


RESUMO





A história da Criptografia moderna revela quão fascinante tem sido a aventura desse desafio, e quão profícuo é o legado das ciências matemáticas aplicadas naproteção à informação, veiculada em um meio tão etéreo, por onde é eletronicamente armazenada e transmitida. A criptografia nos fornece os elementos – os algoritmos e protocolos – para construção de mecanismos de proteção a aplicações sensíveis, como por exemplo o comércio eletrônico ou as redes privadas virtuais (VPNs). Entretanto, a criptografia aborda apenas à parte fácil desse desafio.
   O uso seguro de sistemas de informação que funcionam por meio de canais inseguros, demanda não só esforços gerenciais e motivacionais, além de medidas de proteção, de salvaguarda, de controle e de auditoria, mas demanda antes e principalmente, um quadro claro com as fronteiras entre ameaças defensáveis, detectáveis, viáveis e imagináveis ao sistema que se quer proteger. Para termos êxito aotraçar tal quadro, é necessário distinguirmos os conceitos de Segurança e Proteção.
   
Segurança não é como o orégano da pizza, que a ela se acrescenta depois de pronta. Segurança assemelha-se ao conceito de qualidade, que deve permear toda a concepção e evolução de um projeto. Proteção se assemelha a trancas, catracas ou fechaduras, mecanismos instalados no final da implementação de um projetoarquitetônico que tenha previsto integradamente a função, utilidade e manutenção de cada um destes mecanismos. Segurança é processo, proteção é ação defensiva. Proteção se instala, segurança se planeja. Segurança na informática está relacionada à confiança que se pode ter nos canais eletrônicos de comunicação de dados, operando num contexto onde outros canais, no mundo da vida, deles se valem paratransmitir significados.
  
A criptografia é a área da matemática e da engenharia que oferece técnicas de proteção a mecanismos de acesso e à integridade de dados, e ferramentas de avaliação da eficácia dessas técnicas. Estas técnicas e ferramentas são de natureza puramente sintática, não podendo portanto serem destinadas a fornecer ou induzir, por si mesmas, confiança no significado dainformação que tais dados supostamente veiculam. A criptografia pode oferecer segurança à informática somente onde e quando a confiança no significado da informação veiculada pelos dados que protege, já tenha sido introduzida por outros meios.
   
É objetivo primordial desta pesquisa é permitir ao profissional da informática, que esteja disposto a considerar tais premissas e que já tenha algumaexperiência como administrador ou desenvolvidor sistemas, guiar-se pelo conhecimento que irá absorver acerca da arte criptográfica de hoje e de suas aplicações, nas decisões futuras relativas ao processo de segurança de sistemas com que trabalha ou venha a trabalhar. Os temas neles abordados tecem, na medida em que o tempo e contexto permitam, uma malha informativa acerca do cenário desse desafio, de suadinâmica e das ferramentas de que dispomos.



SUMÁRIO:



1 - Histórico


2 - Introdução

3 - Terminologia

4 - Chaves Criptográficas
- Chave Privada
- Chave Pública
- Operações para Manipulação de Mensagens
- Organograma da Criptologia

5 - Cifragem por Substituição

6 - Substituição Monoalfabética Monogâmica
6.1 CIFRAS HEBRAICAS
-Cifra ATBASH
- Cifra ALBAM
- Cifra ATBAH

7 - Substituição Monoalfabética Poligrâmica
7.1 - A CIFRA DE BABOU

8 - Substituição Monoalfabética Tomográfica
8.1 - O CÓDIGO DE POLÍBIO

9 - Substituição Polialfabética
9.1 - A FORMA MAIS ANTIGA

10.1 - Substituição Polialfabética com palavra-chave
10.1 - Substituição Polialfabética com palavra-chave...
tracking img