Trabalhos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2212 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Escola Profissional Atlântico
Ano lectivo: 2011/2012

Curso: Técnica de Apoio à Infância
Disciplina: Psicologia

Funchal
Fevereiro, 2012

“O jogo não pode ocupar o lugar de lições morais e não deve absorver o tempo de estudo, embora ninguém no mundo possa ficar sempre escutando nem estudando. É preciso, nesta idade, sobretudo, dançar, correr, saltar, mover-se por seu próprio elã (…) Se o jogonão forma directamente o espírito, ele o recria”.
(Pape-Carpantier, 1849, In Kishimoto, 2004, p.17)

Índice
Introdução 4
I.Desenvolvimento 5
II. Teoria de Donald Super 5
 2.1. Crescimento 6
 2.2. Exploração 6
 2.3. Estabelecimento 6
 2.4. Manutenção 6
 2.5. Descompromisso 6
III. Etapa da teoria de Super no pré - escolar (5 anos) 7
IV. Inter-ajuda 8
Esta diversidade pode serutilizada como ferramenta para o desenvolvimento do trabalho em equipa orientado para atingir objectivos comuns. 8
V. Características do Jogo 8
VI. Contribuições do jogo no Desenvolvimento 9
6.1.Motor 9
6.2. Intelectual 9
6.3.Afectivo - psicossexual 10
6.4.Social 10
VII. Actividade: Prova de obstáculos (Gincana) 11
7.1.Actividade proposta as crianças do Jardim-de-Infância do Carmo 2 117.1.1.Tabela da actividade: 11
7.1.2.Fotos da actividade 12
VIII. Relatório da actividade 13
Conclusão 14
Referências bibliográficas 15



Introdução

No âmbito da disciplina de psicologia, foi-nos proposto pela professora Fátima Rodrigues, um trabalho de grupo, onde temos que pôr em prática a teoria de Super.
Com este trabalho pretendemos abordar a inter-ajuda como papel fundamental no desenvolvimentoda personalidade das crianças, promovendo as áreas motoras, intelectual, afectivo-psicossexual e social sendo o jogo a primeira expressão da criança.
Mediante este jogo (gincana) a criança aprende normas de comportamento para crescer e aprender a viver na sociedade de forma integral. O jogo fomenta a capacidade para a elaboração de normas da infância á vida adulta, reflectindo em cada momento aforma com que a criança actua, compreende e se relaciona com o mundo.
O presente trabalho está estruturado da seguinte forma: pela introdução, conclusão e referências bibliográficas.

I.Desenvolvimento

Segundo a teoria de desenvolvimento de Donald Super, ao longo da vida as pessoas passam por estágios, tendo estes, tarefas específicas que acontecem em determinadas idades, decorrendo da infânciaaté a morte, onde estes estádios nem sempre são lineares podendo ser cíclicos, ou seja, podendo haver uma reciclagem, isto querendo dizer voltar para um estádio anterior.
Este veio valorizar o mundo do trabalho na vida das pessoas, este é um processo que ajuda a desenvolver e aceitar uma imagem, adequada a si mesma e transformar essa imagem numa realidade, ajudando a direccionar a pessoas paradeterminada área. Quando pessoa está pronta para tomar decisões e assumir comportamentos próprios do estádio em que se encontra podemos dizer que essa pessoa atingiu a maturidade vocacional.
Sendo um processo inerente ao desenvolvimento vocacional.

II. Teoria de Donald Super

A teoria de Donald Super sobre o desenvolvimento vocacional “Por que razão escolhe-mos diferentes tipos de trabalhos e deprofissões? O que nos leva a preferir um tipo de profissão ou de curso a outros? Como resolvem os jovens os problemas que encontram quando transitam do mundo escolar e universitário para o mundo do trabalho? O que fazem para manter e criar estabilidade numa dada ocupação profissional?”
Todas as questões se podem resumir, segundo Donald Super a uma: O que fazemos para construir uma carreira?Costumamos pensar que a escolha de uma carreira ou de uma ocupação como se fosse um acontecimento estático e pontual, ou seja, que ocorre num dado momento e nada tem a ver com momentos anteriores.
Super pensa que a escolha de uma ocupação profissional é um processo que se desenvolve ao longo do tempo, que tem uma certa continuidade. De uma forma vaga, posso pensar aos 12 anos em ser médico....
tracking img