Trabalhos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1931 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
TUTORIAL – MANIPULAÇÃO DE ARQUIVOS

pwd – Exibe o diretório atual
Sintaxe: $ pwd

Mostra de forma simples em qual diretório o usuário está localizado no momento.

cd – Navegando entre diretórios
Sintaxe: $ cd [nome_do_diretório]

Muda o diretório atual. Exemplos:
$ pwd /home/unisantos $ cd /etc $ pwd /etc $ cd ~ /home/unisantos

No exemplo acima, estávamos no diretório /etc e com umsimples cd para o diretório ~, fomos para o diretório HOME (/home/eitch). Neste caso utilizamos o ~ que é uma espécie de atalho para o diretório HOME do usuário. Alguns destes “atalhos”:

. (ponto) .. (dois pontos) ~ (til) / (barra) - (hífen)

Diretório atual Diretório anterior (um nível acima) Diretório HOME do usuário Raiz do sistema Último diretório (Voltar)

Se você deseja ir para umdiretório que está na raiz diretamente, usa-se a / antes, exemplo:
$ pwd /usr/local/bin $ cd /etc/rc.d $ pwd /etc/rc.d $ cd $ pwd /usr/local/bin

Ao utilizar uma barra antes do diretório, especificamos o caminho absoluto do diretório, ou seja, todo o seu caminho desde a raiz. Se não colocamos a barra para especificar a raíz, quer dizer que estamos especificando um caminho relativo, ou seja, deacordo com o diretório atual. Em outras palavras, se eu estou no diretório /home/eitch, os dois comandos a seguir farão a mesma coisa, só que um usando o caminho relativo e o outro o caminho absoluto:
$ cd ..

$ cd /home

ls – Listar arquivos
Sintaxe: $ ls [opções] [arquivo/diretório]

Lista os arquivos e diretórios. Se executarmos apenas o comando ls sozinho, ele mostrará todos os arquivosexistentes no diretório atual. Há também alguns parâmetros extras:

-l -a -h -R

Lista os arquivos em formato detalhado. Lista os arquivos ocultos (que começam com um .) Exibe o tamanho num formato legível (combine com -l) Lista também os subdiretórios encontrados

Exemplo de uma listagem detalhada:
$ ls -l total 9916 drwxrwxr-x -rw-r--r--rw-r--r--rw-r--r-5 hugo hugo 1 hugo hugo 1302 Aug 1610:15 diretorio 122631 Jul 12 08:20 Database.pdf

1 hugo hugo 2172065 Jul 12 08:20 MySQL.pdf 1 hugo hugo 2023315 Jul 12 08:20 PHP.pdf

No exemplo acima, os arquivos e diretórios são listados com outras informações antes de seus nomes. Estas informações são separadas por um ou mais espaços (para uma melhor formatação) e apresentam os seguintes dados: tipo de arquivo e permissões, número dehard links, usuário dono, grupo dono, tamanho, data de modificação e por último o nome do arquivo. Podemos ver acima que a segunda linha (diretorio) inicia com a letra d, o que significa que ele é um diretório, ao contrário dos outros arquivos que não contém nenhuma letra (-) e por isso são arquivos comuns. É possível identificar o tipo de arquivo desta maneira e as letras podem ser: b para arquivoespecial de bloco, c para arquivo especial de caracter, d para diretório, l para link simbólico, p para um FIFO, s para socket. Podemos também usar no ls o que chamamos de wildcards (caracteres coringa), ou seja, caracteres que substituem outros. Exemplo, listar todos os arquivos que têm a extensão .txt:
$ ls *.txt debian-install.txt ipfw.txt manualito.txt mouse.txt named.txt placa_de_video.txtplip.txt rede.txt seguranca.txt sis.txt

O wildcard neste caso é o “*”, que representa “tudo”.txt. Existem outros wildcards, como por exemplo o ponto de interrogação “?”, que substitui apenas 1 caractere. Exemplo:
$ ls manual?.txt manual1.txt manual2.txt manual3.txt manualx.txt manualP.txt

Ou ainda os colchetes, que substituem uma faixa de caracteres:
$ ls manual[3-7].txt manual3.txtmanual4.txt manual6.txt manual7.txt

mkdir – Cria um diretório
Sintaxe: $ mkdir

Cria um diretório. Exemplo, criar um diretório dentro do HOME do usuário:
$ mkdir ~/paginas

rmdir – Remove um diretório vazio
Sintaxe: $ rmdir

Apaga um diretório que esteja vazio. Exemplo, apagando o diretório /tmp/lixo apenas se ele estiver vazio:
$ rmdir /tmp/lixo

Para apagar um diretório com seu...
tracking img