Trabalhos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1841 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
 FILOSOFIA E ÉTICA

ANÁLISE SOBRE   O TEXTO:   O MITO DA CAVERNA

      Este   texto é uma   visão de como podemos nos libertar da escuridão que nos aprisiona através da luz da verdade, uma metáfora perante a condição humana para com o mundo, no que diz respeito à importância do conhecimento e à educação como forma de superação da ignorância. Um processo de consolidação de consciência, de umconhecimento que abrange duas essências: a das coisas imaginárias   e a das idéias. A realidade está no mundo das idéias, porém a maioria da humanidade vive na condição da ignorância, no mundo das coisas imaginárias um   mundo ilusório das coisas sensíveis às quais são mutáveis, não são necessárias e, por isso, não são objetos de conhecimento. Este mundo das idéias, percebido pela razão, estáacima do sensível (dominado pela subjetividade) que só existe na medida em que participa do primeiro, sendo apenas sombra dele. É uma analogia entre aptidão para ver e aptidão para conhecer, exercício da visão e exercício da razão e entre faculdade da visão e faculdade da razão. Há aí, também, uma relação entre o mundo visível e o mundo inteligível, sendo como já foi dito, o primeiro uma sombra dosegundo. Feito isto, pode-se afirmar que, durante a descrição do mito, as fases pelas qual a visão do sujeito passa são as fases pelas quais passa a razão.
      Muitas vezes, nos sentimos aprisionados, e permanecemos aprisionados por uma grande parte de nossas vidas, alguns até por toda a vida, pois nossos grilhões e as correntes da “caverna”(nossos preconceitos, crenças e   até nossas opiniões)  são   partes da nossa ignorância que nos aprisiona, que não nos permite sair em busca do conhecimento,   não nos permite pensar e refletir e não nos permite caminhar e poder analisar ou pensar sobre o que vemos, não nos permite “virar o pescoço” e olhar para os lados

Filosofia e Ética   

MAIO, 2011

1 - Procure descrever a distinção entre o conceito socrático e o platônico de Filosofia eindique quais são as consequências práticas de cada um dos conceitos na vida de um administrador público.

2. O que podemos pensar a respeito da tese de Platão, de que o melhor governante é quem sabe mais? Qual é, afinal, a relação entre verdade e bem, entre saber a verdade e fazer o bem? Quem sabe mais será necessariamente um governante melhor? Como esses argumentos podem e devem ser vistos naadministração pública

Os Filósofos citados na tarefa 3 são figurantes do: período Antropológico Clássico Grego – 469 a 347 a.c –.

Sócrates 469 a 399 a.c
Platão 428 a 347 a.c

Sócrates 469 a 399 a.c
Sobre Sócrates diz-se: “Os outros Filósofos ensinaram a Filosofia, ele a viveu”.
Sócrates não deixou nada escrito, sua filosofia foi transmitida através de Platão, Aristóteles e Xenofonte.“Todo conhecimento, é uma recordação das verdades que a alma já continha ou conhecera em vidas anteriores”.
Sempre defendeu a humildade dos verdadeiros sábios, expressa na famosa frase: “Tudo que sei é que nada sei”. A quem tivesse a pretensão de tudo saber, através de perguntas Sócrates, os levava a terríveis contradições, forçando-os a reconhecer que nem tudo sabiam. Então despertava nos seusdiscípulos as suas próprias idéias para que aprendessem por si mesmos.

Exemplo:
Você acabou de falar de Amor. O que entende por Amor?
Amor é querer bem outra pessoa!
O que entende por querer bem outra?
É desejar tudo de bom para ela.
E o termo bom significa, o que você considera bom, para outra pessoa e esta independente de você, considera bom para ela?
Certamente que não!
Então surge acontradição... então “Amar é querer o bem que eu considero, como tal, para a pessoa amada”,
Ele começava pelo que não conhecia “pela ignorância”, era um detetive...


FILISOFIA E ÉTICA

                                  Resenha apresentada à Universidade Aberta do Brasil, curso de Bacharelado em Administração Pública, para aproveitamento na disciplina de Filosofia e Ética . Sob a orientação...
tracking img