Trabalhos feitos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1972 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Administração nos Novos Tempos


www.campus.com.br
www.chiavenato.com 2007 Elsevier Editora, Todos os Direitos Reservados

Estudo de Caso: Casos práticos para serem discutidos em sala se aula. Juntamente com cada caso vem acompanhado um tópico chamado objetivo do caso para servir de apoio para o professor na discussão. Estudo de Caso: A Crise da Varig A Varig foi fundada em 1927 no RioGrande do Sul. Nos quase 80 anos de existência acumulou em sua história muitas glórias e muitos fracassos. A empresa, que já obteve o monopólio dos vôos internacionais do país, chegou a operar com 120 aeronaves e teve 88 escritórios no exterior. Em 1945, os acionistas da Varig aprovaram a transferência do controle acionário para FRB (Fundação Rubem Berta) composta pelos próprios funcionários daempresa que passaram a ser donos de 87% das ações da companhia. Falta de sorte, má administração, omissão do governo, oscilações do cenário macroeconômico ou uma combinação de todos esses fatores, fez com que a empresa fosse vendida em um leilão judicial em julho de 2006 com um patrimônio líquido negativo de cerca de R$ 8 bilhões. As perdas da Varig começaram em 1982 quando a empresa encomendou cercade 5 aviões modelo Jumbo 747-300. Uma moratória declarada no Brasil impediu a empresa de obter, nos Estados Unidos, crédito para a compra das aeronaves. Sem alternativas, a Varig obteve financiamento com instituições no Japão, entretanto, com a valorização do iene, o custo das aeronaves duplicou. Os aviões foram devolvidos e desativados em 1999, restando uma dívida de US$ 250 milhões. Em 1992, nogoverno Fernando Collor de Mello, quando foi decretado o fim dos monopólios dos vôos internacionais, a empresa ficou aberta às ameaças do mercado. Nesse mesmo ano, a Varig passou a ter prejuízo, de 1986 até 2005 o resultado da
2007 Elsevier Editora, Todos os Direitos Reservados

empresa foi negativo 8 vezes. Mesmo com sua trajetória em declínio, a empresa possuía um quadro de funcionários comnúmero bem superior em relação à concorrência e apresentava custos elevadíssimos, muitas vezes dispensáveis como, por exemplo, a opção de caviar no serviço de bordo para passageiros da primeira classe. A rotatividade dos altos executivos na última década foi marca registrada da companhia. A partir de 1995, a Varig passou pelas mãos de 11 presidentes e um comitê, o que impedia continuidade dequalquer processo de reestruturação. Muitos ex-presidentes afirmam que o fato de a fundação ter transformado funcionários em proprietários acabou por gerar conflitos de interesse. Tais conflitos surgem quando o corporativismo dos funcionáriosacionistas se coloca à frente do atendimento ao cliente e da visão de futuro da empresa. A empresa também sofreu profundos impactos da situação macroeconômica domundo. A guerra do Golfo em 1991 fez com que o preço do petróleo disparasse aumentando muito os gastos com combustíveis das aeronaves. Além dos atentados terroristas de 11 de setembro que prejudicaram o mercado de aviação mundial pela queda do número de passageiros. Entretanto, não se pode afirmar que existe uma crise no setor. A aviação civil brasileira apresentou um crescimento de 12% em 2005. Ataxa de ocupação também aumentou, passando de 62% para 69% no mesmo período. As empresas que melhor aproveitaram essas oportunidades foram a TAM e a Gol que vêm registrando altos índices de crescimento, além de empresas menores que dobraram de tamanho e a cada ano ganham mais espaço no mercado.
2007 Elsevier Editora, Todos os Direitos Reservados

Objetivo do Caso O caso em questão tem comoobjetivo a análise dos principais fatores da decadência da Varig, com a exploração dos principais pontos negativos da gestão da companhia. Na verdade, não existe um só fator responsável pela decadência da empresa, mas sim uma combinação de fatores ocasionados pela má gestão como a falta de visão de futuro, erros de governança corporativa e estratégias ineficazes, por exemplo. As questões abaixo...
tracking img