Trabalhoprof

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1032 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
|[pic][pic] |[pic] |

BIOLOGIA GEOLOGIA – 11.º ANO

Ficha de Apoio Teórico: Diferenciação Celular

O que são células totipotentes? E pluripotentes? E multipotentes? E Unipotentes?

[pic]

Totipotentes, são células que são capazes de se diferenciar emtodos os 216 tecidos que formam o corpo humano, incluindo a placenta e anexos embrionários. As células totipotentes são encontradas nos embriões nas primeiras fases de divisão, isto é, quando o embrião tem até 16 - 32 células, que corresponde a 3 ou 4 dias de vida.

Pluripotentes, são células capazes de se diferenciar em quase todos os tecidos humanos, excluindo a placenta e anexos embrionários, ouseja, a partir de 32 - 64 células, aproximadamente a partir do 5º dia de vida, fase considerada de blastocisto.

Multipotentes, são células capazes de se diferenciar em diferentes tipos de células, embora de tecidos muito semelhantes.

Unipotentes, são células que originam células-filhas capazes de se diferenciarem apenas num tipo de células.

Mas, se todas as células do embrião têm a mesmainformação genética, como se pode explicar a diferente morfologia e função das várias células do organismo?
[pic]

Crescimento e regeneração de tecidos vs diferenciação celular
A mitose garante que, a partir de uma célula, se formem duas células geneticamente idênticas entre si e idênticas à progenitora. O ciclo celular pode repetir-se inúmeras vezes, de tal forma que, a partir de umacélula, pode obter-se um organismo multicelular.
Contudo, os organismos multicelulares são, geralmente, formados por diferentes tipos de células, que estão organizadas em tecidos, os quais formam órgãos e sistemas de órgãos.
Para que, a partir de uma célula inicial se obtenha uma variedade tão grande de células, é necessário que ocorra um processo de diferenciação.
Após a fecundação, forma-se uma novacélula que irá, por mitoses e citocineses sucessivas, originar um organismo multicelular. A primeira célula de um organismo é o ovo, célula esta que é capaz de originar células-filhas, as quais, por sua vez, poderão originar diferentes tipos de células. Diz-se, por isso, que o ovo é uma célula totipotente, ou seja, tem todas as potencialidades para originar todas as outras células.
As primeirasdivisões do ovo originam células indiferenciadas, pois são muito semelhantes entre si e semelhantes à célula inicial que lhes deu origem. Contudo, à medida que os ciclos celulares se repetem, as células iniciam um processo de diferenciação, até se tornarem células especializadas.
A diferenciação celular consiste na especialização destas mesmas células, no sentido de desempenharem uma determinadafunção, para isso, estas tornam-se morfologicamente diferentes.
A diferenciação ocorre porque alguns genes são activados, enquanto que outros são bloqueados. Cada célula especializada desempenhará, num determinado tecido, uma função, de acordo com as características que apresenta. A diferenciação celular permite a expressão de determinados genes e a inactivação de outros. Calcula-se que cadacélula diferenciada possua apenas 5% a 10% do ADN activo, no momento da transcrição ou da tradução. O outro ADN considera-se assim que está simplesmente “adormecido”.
A maioria dos tecidos de um organismo no estado adulto não é constituída exclusivamente por células especializadas. Um grupo restrito de células apresenta um grau de diferenciação menor do que as restantes, chamando-se célulasestaminais. Estas células originam, por mitose, células-filhas idênticas, morfológica e fisiologicamente, à célula-mãe. Estas, resultantes das células estaminais, sofrem uma diferenciação, garantindo a renovação das células envelhecidas e a reparação de regiões do tecido lesadas.
As células estaminais não são, contudo, totipotentes. Uma célula estaminal da medula óssea origina glóbulos vermelhos, mas...
tracking img