Trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1114 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 16 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Anatomia – Mecânica da Respiração

- Músculos envolvidos na respiração em repouso e respiração no exercício.
Na inspiração, os principais músculos são o diafragma, os intercostais externos e os diversos músculos pequenos do pescoço que tracionam para cima a parte anterior da caixa torácica.Os músculos inspiratórios produzem aumento do volume da caixa torácica por dois meios distintos.Primeiro, a contração do diafragma promove o descenso da parte inferior da caixa torácica, o que a expande no sentido vertical. Segundo, os intercostais externos e os músculos cervicais elevam a parte anterior da caixa torácica, fazendo com que as costelas formem ângulo menor com a vertical, o que alonga a espessura ântero-posterior dessa caixa.Na expiração, os músculos participantes são os abdominais e,em menor grau, os intercostais internos. Os abdominais produzem a expiração por dois modos. Primeiro, puxam a caixa torácica para baixo, o que reduz a sua espessura. Segundo, forçam o deslocamento para cima do conteúdo abdominal, o que empurra, também para cima o diafragma, diminuindo a dimensão vertical da cavidade pleural.Os intercostais internos participam do processo de expiração portracionarem as costelas para baixo, diminuindo a espessura do tórax.
Diferenças entre pressão intrapulmonar e atmosférica.
PRESSÃO INTRAPULMONAR
Em um fluxo inspiratório a pressão intrapulmonar é menor que a do meio. No fluxo expiratório o inverso ocorre, ou seja, a pressão intrapulmonar é maior que a do meio.Normalmente, a pressão do meio ambiente não varia e então é necessário que ocorram mudançasda pressão intrapulmonar para que hajam os fluxos respiratórios.
A pressão intrapulmonar é composta por outras pressões que são:
pressão intrapleural/ pressão da caixa torácica/pressão transtorácica/ pressão alveolar e da superfície corporal.
Pressão intrapleural (Ppl):
É aquela que se forma entre os folhetos visceral e parietal da pleura, na cavidade pleural e contribui para a aproximação dotórax aos pulmões.
Ela é resultante de forças elásticas do pulmão (no sentido de retração) e de forças elásticas do arcabouço da caixa torácica.
Em relação às forças elásticas do pulmão temos que elas são oriundas do tecido elástico pulmonar, cuja tendência é de retração após uma distensão e tensão superficial dos alvéolos, ou seja, força elástica causada pela tendência ao colabamento alveolar.Isso decorre do fato que as moléculas de água do interior dos alvéolos em contato com o ar tendem-se a atrair e, então, ocorre expulsão do ar alveolar com conseqüente colabamento. Como isso tende a ocorrer de maneira global, o resultado final é a geração de uma força elástica contrátil na totalidade dos pulmões.
A tensão superficial é controlada pela produção do “surfactante” pelos pneumócitostipo II. Tal substância reduz a tensão superficial através de sua ação “detergente” sobre a molécula de água, levando indiretamente a menor tendência ao colabamento.
As forças de retração elástica do pulmão (FREP) têm como resultante uma força que tende a diminuir o volume (contração), já as forças elásticas do arcabouço da caixa torácica (FECT) agem no sentido de aumentar o volume de tal caixa(sentido contrário que FREP).
Durante uma expiração normal, as forças de retração elásticas do pulmão estão em equilïbrio com a força elástica do arcabouço da caixa torácica.
A difirença entre essas 2 forças estabelece a pressão intrapleural (Ppl). Uma expiração normal, Ppl equivale a aproximadamente 5 cmH2O abaixo da pressão atmosférica. Por esse motivo, se consideramos a pressão amosférica (Patm)igual a zero (Patm=10mmHg), fala-se que a Ppl é a pressão negativa intrapleural. A conclusão é que Ppl é inferior que a do meio ambiente.
Pressão transpulmonar (Ptp):
É a diferença entre as pressões no alvéolo (Pa) e na pleura (Ppl). A pressão transpulmonar exerce a força que mantém o parênquima expandido.
Assim, temos a seguinte equação: Ptp= Pa – Ppl
Se Ppl > 0 logo Pa > Ppl =...
tracking img