Trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1486 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
“MEIOS DE COMUNIÇÃO EM MASSA:
INFORMAÇÃO OU MANIPULAÇÃO?”

































Piracicaba
2012








Ciências Contábeis







“Meios de Comunicação em Massa: Informação ou Manipulação”











2012



I- INTRODUÇÃO

Os meios de comunicação surgiram para facilitar e informar as sociedades. Desde o primeiroexemplar impresso até a chegada da internet, o principal foco era atualizar as pessoas com o que ocorria na sociedade, porém, desde o princípio, há censuras, ou melhor dizendo, omissões de verdadeiras informações.
Com o término da censura, toda e qualquer pessoa poderia se expressar livremente. Mesmo assim, os jornais, revistas e telejornais, selecionavam o que queriam que os leitores etelespectadores vissem e lessem.
Desde então, há discussões se estes meios são legítimos quanto suas notícias e informações. Pois, apesar de não mais haver censuras, de uma forma “maquiada” faz a sociedade acreditar em tudo que se transmite.






















II- MEIOS DE COMUNICAÇÃO: DO INÍCIO AOS DIAS ATUAIS


Em Roma, o jornal surgiu em meados de 59 anos A.C, com afinalidade de informar a sociedade sobre os acontecimentos sociais e políticos da cidade. O jornal foi criado para isto, informar e atualizar a sociedade quanto os acontecimentos que são de extremo interesse de tal.
No Brasil, o primeiro exemplar impresso foi em 10 de Setembro de 1808, na cidade do Rio de Janeiro com o título “Gazeta do Rio de Janeiro”. As “notícias” veiculadas sofriam censuras,pois a Corte proibia qualquer documento que fosse contra seus ideais, como religião, governo, costumes, enfim, que tentassem promover, aguçar, as críticas da população.
Durante a fase imperial, mesmo com as censuras, alguns grupos com ideologias liberalistas, puseram às ruas jornais com críticas ao imperador Dom Pedro I, um deles foi “A Gazeta do Brasil” e, um dos liberalistas foi assassinadopor ser contra a opressão.
Em 15 de Novembro de 1889 surge a primeira república e, com essa “liberdade de expressão”, “A Tribuna”, do Rio de Janeiro, fez muitas e severas críticas ao governo dominante, porém, foi desfeita por um grupo do governo.
Mesmo com as demais “eras” que diziam que o povo era livre para expressar o que pensavam sobre tudo e todos, não era bem assim que acontecia.Ninguém gosta de ver grupos contra suas “reivindicações”.
Na Ditadura Militar, os jornais impressos, onde tinham informações sobre o abuso de poder para fazer com que a sociedade abrisse os olhos para que tomassem uma atitude, eles punham “receitas de bolos”, querendo dizer “olhem, fomos censurados!”.
Os meios de comunicação são manipulados desde o início, desde que fomos colonizados (ouexplorados) e, ainda assim, pessoas acreditam piamente no que vêem e lêem.
Hoje em dia, temos vários meios de comunicação, que são os chamados de “meios de comunicação em massa”, pois atingem pessoas do mundo todo. Com informações repletas de omissões, não porque há censuras, mas sim para fazer-nos acreditar no que lemos.
Uma das maiores emissoras do Brasil é líder em fazer este tipo de“noticiários fiéis e inalterados”, criando pessoas alienadas, crédulas de estarem totalmente sabendo do que ocorre em cada canto do seu país e do mundo.
Fácil alcançar tais objetivos! O governo deste país não investe em educação, não porque não podem, mas porque não querem. Para que ter milhões de jovens criticando seus modos de governar? Para quê ter conflitos? Eles preferem pessoas com menoscapacidade de discernir e criticar, assim aceitam tudo o que acontece.

III- O PROPÓSITO DA IMPRENSA


A imprensa surgiu como ferramenta de fiscalização daqueles que comandam a sociedade sendo assim um serviço em prol dos cidadãos, mas com o passar do tempo esse conceito passou por uma mudança, a imprensa deixou de ser uma ferramenta apenas de fiscalização e passou a trocar seu conceito...
tracking img