Trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (628 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
elhor resposta - Escolhida por votação
Para ter acesso a todo o texto, vá ao link abaixo.

Abçs.

O Socialismo, Comunismo e Anarquismo são concepções diferenciadas de buscar a igualdade e acabar coma propriedade privada.
O socialismo é a etapa de transição para se atingir o comunismo. Nesta fase os meios de produção passam para o controle do Estado. A ditadura do proletariado garante atravésinclusive da força, o fim da sociedade de classes.
O comunismo é a etapa superior do socialismo, onde desaparecida a ideologia burguesa e a sociedade de classes, os meios passam para a o controle dacoletividade e o Estado desaparece.
O anarquismo entende que no momento da revolução o Estado deve desaparecer, sem a utilização de ne-nhuma etapa superior. É contrário a qualquer tipo de ditadura oude instituições que representem o povo como partidos, Centrais sindicais etc..., pois acreditam na auto-conscientização do homem.

O anarquismo teve grande influência no movimento político-sindical da2º metade do século XIX e das três primeiras décadas do século XX.
Phroudon foi o pai do anarquismo. No seu livro “O que é a propriedade”, respondia: é um roubo. Propunha a criação de cooperativas ede bancos que concedessem empréstimos sem juros. Defendia a substituição do Estado por uma república de pequenos proprietários.
Bakunin se tornou líder do anarquismo terrorista, onde a violênciadeveria ser utilizada para alcançar uma sociedade igualitária. Acreditava na força do Lupem-proletariado.
Outros anarquistas: Leon Tolstoi, Kropotkin, George Sorel (Anarco-Sindicalismo) etc...

Osocialismo Cristão ou Cristianismo Social surge no século XIX, com a publicação da encíclica Rerum No-varum (Nova regra) estabelecida pelo papa Leão XIII, com a finalidade de não perder os fiéis maispobres para os movimentos socialistas ateus. Exigia maior justiça social, no entanto, não combatia a propriedade privada.
No século XX outros papas se destacaram na opção pelos pobres, como: João XXIII...
tracking img