Trabalho sobre zumbi dos palmares ( comunidades quilombolas)

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1236 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Comunidades Quilombolas

As comunidades quilombolas são vistas como uma situação do passado, que se extinguiu após queda do Quilombo dos Palmares em 1695 e a morte da liderança, Zumbi, que se constituiria em um exemplo de luta contra o racismo e de defesa dos direitos dos povos negros e da condição quilombola como identidade e direito ao território.
Essas comunidades, muitas das vezes, nãosão reconhecidas e conhecidas hoje pela sociedade brasileira. Mesmo porque, pouco se aprendeu sobre os povos quilombolas e nas escolas (ainda hoje) pouco se ensina sobre a luta dos povos negros na nossa história, cuja referência não tem avançado a idéia de escravo e o Quilombo dos Palmares, apenas como uma fuga do trabalho. Assim ao invés de ensinar/aprender a história dessa luta, os negros sãocolocados na história como “coisa”, “indolentes” “preguiçosos” (Goettert, 2002). Esse ideário dominante perpassa os últimos séculos e chega ao século XXI proporcionando uma construção social, mas também consolida o seu contrário pela luta dos movimentos sociais em busca e valorização da negritude, mas fundamentalmente, no caso dos povos quilombolas, do seu direito a identidade e reconhecimento doterritório.
Os quilombos que antecedem a Lei Áurea de 1888 eram comunidades, que possuíam como objetivo se rebelar contra o sistema escravista e as péssimas condições de vida e de trabalho as quais eram submetidos. Para se refugiarem em quilombos, se estabeleciam em “local distante dos povoamentos, onde os negros africanos buscavam refúgio e uma vida isolada do poder, a fim de viver emliberdade” (Sá & Amaral, 2009).






Quilombo dos Palmares – O mais falado de todos os tempos


“Onde houver escravidão, houve resistência e um dos tipos mais característicos de resistência negra na luta pela liberdade foi à fuga e a formação de grupos de escravos fugitivos" (GASPAR, 2009)

Os quilombos representaram a consolidação material da resistência dos negros à escravidão. Eram aldeiasou comunidades onde moravam muitos negros foragidos.
Os portugueses detestavam os quilombos, porque serviam de abrigo para os negros fugitivos e incentivavam outros escravos a fugirem, e também tinham medo, pois os negros se organizavam para libertar outros negros e atacavam as grandes propriedades sem piedade e muita violência.
As pessoas que moravam nos quilombos eram conhecidas comoQUILOMBOLAS: tinham plantações, criavam alguns animais e caçavam para sobreviver: como frutas para comer; folhas de palma, com a qual cobriam as choupanas; fibras para a confecção de esteiras, vassouras, chapéus, cestos; o cocô para fazer óleo; a casca de algumas árvores que serviam para fazer roupas. Além de praticarem a caça e a pesca, eles plantavam milho, mandioca, feijão, legumes, fumo, ecana-de-açúcar, que abasteciam a comunidade e eram também comercializados com povoações vizinhas.
No Brasil, existiram quilombos em todas as regiões. O mais conhecido foi PALMARES, localizado em Alagoas, que surgiu da união de diversas aldeias que se formaram quando os holandeses invadiram nosso país. O quilombo dos Palmares nasceu apartir de escravos fugidos, principalmente, dos engenhos deaçúcar pernambucanos, que se agruparam inicialmente a cerca de 70 quilômetros a oeste do litoral de Pernambuco, na Serra da Barriga, local de densas florestas de palmeiras, com terreno acidentado, o que dificultava o acesso.
Palmares contou com nove aldeias que são: Macaco, Andalaquituche, Subupira, Dambrabanga, Zumbi, Tabocas, Arotirene, Aqualtene e Amaro.
Palmares deu muita dor de cabeça aosportugueses, era muito organizado e fez muitas invasões nas grandes fazendas. Muitas expedições militares foram enviadas para acabar com Palmares, e todas foram derrotadas. Acredita-se que Palmares teve mais de 20 mil habitantes, por isso não era fácil vencê-lo. O quilombo era organizado como um pequeno Estado.
Havia leis e normas que regulamentavam a vida dos seus habitantes, algumas até...
tracking img