Trabalho sobre energia nuclear

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1881 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO EDUCACIONAL ETIP

ENERGIA NUCLEAR E SUAS CIRCUNSTÂNCIAS

KATO, Yumi Waki. Energia nuclear e suas circunstâncias. Santo André, 2012

A energia nuclear é liberada através da fissão ou fusão dos núcleos atômicos. A reação nuclear trata-se da modificação do núcleo atômico. No caso das usinas nucleares, é feito o uso da fissão, que ocorre quando um átomo (geralmente deurânio U-235) é bombardeado com nêutrons e devido a essa instabilidade, ele se dividirá em dois novos átomos e alguns nêutrons livres que, posteriormente, vão se chocar em outros átomos, gerando uma reação em cadeia.

O grande objetivo das centrais nucleares é controlar as reações em cadeia de modo que a energia seja liberada de forma gradual sob a forma de calor, que será utilizado para ferverágua e produzir vapor, provocando o funcionamento da turbina para gerar energia elétrica.

Uma usina nuclear possui vários sistemas de segurança, que entram em ação automaticamente em casos de emergência. O principal deles é o sistema que neutraliza a fissão nuclear dentro do reator. São centenas de barras, feitas de materiais não fissionáveis (isto é, mesmo absorvendo nêutrons livres, não sedividem), como o boro e cádmio, que são injetadas no meio reacionário.

O reator fica envolvido por uma cápsula de 3 centímetros de espessura, feita de aço. O edifício é protegido com paredes de 70 centímetros, feitas de concreto e estrutura de ferro e aço, e podem aguentar ataques terroristas (mísseis, aviões). Existem também órgãos internacionais, que vistoriam periodicamente asusinas nucleares, em busca de irregularidades, falhas, etc.
O maior desastre nuclear ocorrido na história aconteceu ao Norte da Ucrânia em Chernobyl, no ano de 1986. Os operadores do local realizaram experimentos no reator 4, que acabou super aquecendo e posteriormente explodindo , contaminando uma grande área com césio – 137 . Ao comparar os índices de radiação, foi constatado queo acidente foi 400 vezes maior do que a bomba de Hiroshima e Nagasaki.
Nos Estados Unidos, o lixo radioativo é colocado em tambores lacrados, e enterrados bem fundo em desertos. O custo para armazenar os tambores é tão alto quanto à manutenção da usina. Existem projetos para levar o lixo radioativo em cápsulas em direção ao sol, o que poderia ser uma solução definitiva para oproblema, já que por 100.000 anos a radiação estará sendo emitida por esses materiais. Os reatores desativados também são incluídos nessa classificação e nenhum foi aberto no mundo todo. Geralmente são cobertos de concreto e levados para outro lugar.
Para os ambientalistas, o destino do lixo radioativo é o principal motivo deles serem contra a energia nuclear, já que ainda não se temuma solução definitiva. Alguns anos após a explosão de Chernobyl, na Ucrânia, milhares de pessoas desenvolveram doenças, que são atribuídas à radioatividade na região.
A utilização desse tipo de tecnologia continua apresentando graves riscos para toda a humanidade, pois está constantemente sujeita a falhas técnicas e operacionais, que podem repercutir em consequências irreversíveis.A contaminação nuclear se deposita no solo e no mar e se incorpora à cadeia alimentícia dos seres vivos mediante um processo de bioacumulação que atinge plantas, animais e o homem. Nos seres vivos, os efeitos causados pela exposição a radiatividade manifestam-se a dois níveis, o somático (cuja expressão máxima é a morte) e o genético (responsável pelas mutações) . Estes efeitos dependem danatureza da radiação, do seu tempo de vida, da intensidade e dos órgãos onde esta é acumulada, e tal como varia os efeitos, também varia a sua capacidade de penetração nos tecidos.
Nas semanas seguintes a explosão de Chernobyl quatro quilômetros da floresta de pinheiros, vizinha à usina, ganharam uma cor marrom-avermelhada, passando a ser conhecida como Floresta Vermelha. Alguns animais nas áreas...
tracking img