Trabalho mecatronica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5462 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
2010

ETRR - Escola Técnica Rezende – Rammel
Disciplina: Materiais
Professor: Francisco Scalércio
19/6/2010
Motores a gasolina





Alguma vez você abriu o capô do seu carro e ficou imaginando o que acontece lá dentro? Para quem nãoentende do assunto o motor de um carro pode parecer uma salada de metal, tubos e fios.
Pode ser só curiosidade, ou você talvez queira comprar um carro novo e tenha ouvido algo como "3.0 V6", "duplo comando no cabeçote" ou "injeção multiponto". Que coisas são essas?
Um motor a gasolina é um motor termodinâmico, formado por um conjunto de peças ou mecanismos móveis e fixos, cuja funçãoprincipal é transformar a energia química fornecida pela combustão, em energia mecânica ou movimento. Quando ocorre essa transformação de energia química em mecânica, pode-se realizar um trabalho útil, como por exemplo, mover um carro ou qualquer outro mecanismo.
Nesse trabalho abordaremos a história do motor a gasolina, as suas dinâmicas de funcionamento, as peças que compõe esse tipo de motor, asvantagens e as desvantagens de seu uso, e também, algumas curiosidades que ao longo do mesmo serão apresentadas.

Apresentação >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 2
A história do motor a explosão>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 4 a 7
O funcionamento do motor a gasolina >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 8 a 9
Tipos de motores a gasolina >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 10 a 13
Peças do motor a gasolina>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 14 a 19
Sistemas de um motor >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 20 a 23
Principais falhas >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 24 a 25
Vantagens e desvantagens>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 26
Curiosidades >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 27 a 28
Conclusão>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 29
Bibliografia >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 30
Componentes do trabalho >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> 31

Por volta de 1801,Philippe Lebon, chamado pitorescamente "o pai do gás de hulha", requereu uma patente descrevendo o princípio de um motor baseado na expansão de uma mistura de ar e gás inflamado.
Infelizmente Lebon foi assassinado. A história pára aí, para só ser recomeçada mais de cinquenta anos depois, quando em 1852, Jean Joseph Étienne Lenoir começa a trabalhar num motor a explosão.
Em 1858 Lenoir tenta seuprimeiro motor fixo, de explosão, movido a gás. Dois anos depois, patenteia-o.
Lenoir pensa, então, em quebrar a rigidez do motor e colocá-lo num veículo. Transformar o movimento retilíneo em movimento de rotação de um carro.
Trabalhando ininterruptamente em 1863 consegue montar um triciclo. O motor funcionava como o de uma máquina a vapor. O combustível era gás de lulha ou óleo leve,...
tracking img