Trabalho interdiciplinar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 79 (19679 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
CONTABILIDADE
AMBIENTAL








CURSO CIÊNCIAS CONTÁBEIS
















BOA VISTA - RR
2010
1- INTRODUÇÃO AO AMBIENTE DACONTABILIDADE
“ Não há senão um mestre, a natureza”. Leonardo da Vinci
Neste capítulo, apresentaremos uma breve digressão histórica da contabilidade, desde os tempos em que o homem primitivo necessitou de registros e deinformações para conhecer seu patrimônio, que sempre foi o objeto central da contabilidade. O surgimento do comércio, que floresceu em cidades italianas das Idades Média e Moderna, contribuiu sobremaneira para o surgimento da Contabilidade, em base científica, passando pelos descobrimentos marítimos, empreendimentos nos quais navegadores portugueses e espanhóis se envolveram, desembocando na RevoluçãoIndustrial.
Empreendida por ingleses, alemães e franceses nos séculos XVIII e XIX, a Revolução Industrial abriu novos horizontes para a humanidade, com a implantação da indústria em larga escala, bem como a ferrovia, inicialmente e posteriormente outros meios de transporte. Integrou países e continentes (Europa), além de outros e empreendimentos de porte, que por sua complexidade, peloscapitais investidos, e pela demanda de informação exigiram e exigem uma Contabilidade que atenda basicamente aos interesses decisoriais de seus usuários, os stakeholders.


O surgimento e o florescimento da grande empresa a partir do século XIX impuseram novas formas de visão do trabalho e da produção, ampliaram consideravelmente a produção de riquezas e conquistaram novos mercados de consumo,exigindo grandes investimentos, que necessitavam de financiamentos e de investidores. Tais fatos contribuíram para implantação do mercado de capitais, especialmente com estabelecimento das bolsas de valores de Londres e New York.

Surge assim a necessidade de uma Contabilidade mais analítica e eficiente, não só meramente financeira, e o surgimento da Contabilidade Gerencial, voltadaespecialmente para fins internos de atendimento ao processo decisório dos gestores empresariais.
Mais recentemente a globalização dos mercados incrementa o avanço da Contabilidade, tornando – a ator central da informação para seus parceiros sociais. A Contabilidade alargou seu campo de atuação, deixando de atender somente aos controladores, fornecedores e ao Fisco, passando a ampliar a gama deusuários como se demonstra ao longo desta apostila.
O clamor pelo reconhecimento da responsabilidade social, pelas empresas e dos governos, nas décadas de 60 e 70, do século recém – terminado, levou a implantação do Balanço Social, inicialmente em França, em 1977, e se difundiu depois para outros países, especialmente da Europa, tendo aportado ao Brasil nos anos 80, onde ainda engatinha.O impacto das questões ambientais passou a ser discutido, inicialmente, nos meios acadêmicos e nas Organizações não Governamentais (ONGs) a partir dos anos 70 e, posteriormente, pela comunidade em todo mundo, em face da preocupação e da consciência dos prejuízos que vem provocando para humanidade, com conseqüências nefastas sobre a fauna, a flora, a vida das pessoas.
Segundopesquisadores, esses impactos têm sido provocados especialmente pelo uso de tecnologias de produção por parte da indústria, bem pelo adensamento populacional em grandes metrópoles e pelo uso desmesurado de recursos naturais.



Isso está fazendo com que a sociedade propugne por informações ambientais na Contabilidade das organizações, que além de sua contabilização, divulguem suas ações de gestãoambiental, para prevenir e corrigir danos e melhorar a vida das pessoas.



Essa imposição independe de a entidade ser ou não ambientalmente íntegra. Como bem acentuam Lima e Viegas (2002), “a preocupação com questão ambiental é ética e econômica. Dela depende a permanência da empresa do mercado. Neste contexto, a Contabilidade se atualiza ao buscar procedimentos que proporcionem a...
tracking img