Trabalho integrado

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2019 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIP – UNIVERSIDADE PAULISTA
Instituto de Ciências Humanas
Curso de Psicologia

SONO E DISTURBIOS DO SONO

Gecyr Rhayany Alves Lázaro RA A44CEF-4
Nayara Cristina Martins RA A39DGD-1
Neise Almeida RA A458CA-5
Poliana Victor Gomes RA A549FI-8
Polyana de Araújo Pessoa RA A64774-0

Campus Flamboyant – Goiânia
2010
UNIP – UNIVERSIDADEPAULISTA
Instituto de Ciências Humanas
Curso de Psicologia

Gecyr Rhayany Alves Lázaro RA A44CEF-4
Nayara Cristina Martins RA A39DGD-1
Neise Almeida RA A458CA-5
Poliana Victor Gomes RA A549FI-8
Polyana de Araújo Pessoa RA A64774-0

SONO E DISTURBIOS DO SONO

Trabalho realizado como parte das Atividades Prática supervisionadas
Do Curso dePsicologia do Instituto de Ciências Humanas
Da Universidade Paulista – UNIP relacionando Teorias e Sistemas em Psicologia e Processos Psicológicos Básicos sob a orientação da Profa Dra Renata F.Pegoraro.

Campus Flamboyant – Goiânia
2010
Sumário

1. Introdução 4
2. Métodos 5
3. Resultados 6
3.1 Distúrbios do sono que atingem os idosos 7
3.1.1 Insônia 7
3.1.2 Apnéia 7
3.1.3 Movimentosdos membros 8
3.1.4 Hipersonia 8
3.1.5 Parassonias 8
3.1.6 Síndrome das pernas inquietas 8
3.1.7 Ronco 9
3.1.8 Sonambulismo 9
4. Discussão..........................................................................................................................95.Conclusão.........................................................................................................................10
6. Referências Bibliográficas ..................................................................................................11


1. Introdução

O objetivo deste trabalho é descrever aspectos atualizados sobre as alterações e os distúrbios do sono no processo de envelhecimento. Com o intuito de saber o porquê que o idoso tende a ter mais dificuldade de adormecer e sustentar o sonoque os mais jovens. Sabendo se que na velhice, o período noturno de sono tende a sofrer um encurtamento, enquanto surgem períodos de sonolência durante o dia. Há fatores orgânicos e sociais que interferem nesse distúrbio. A quantidade e a intensidade das atividades tende a se reduzir muito nessa época da vida, favorecendo a sonolência diurna. Este fato ocorre, muitas vezes, pela falta de ocupação doidoso, que o leva a se deitar mais cedo e acabam por acordar muito mais cedo, pela manhã, do que gostariam.


2. Métodos

Procedeu-se da pesquisa sobre os principais distúrbios do sono na 3ª idade, estágios do sono, sobre alterações fisiológicas, descrevendo os distúrbios do sono mais prevalentes em idosos, sua avaliação e os tratamentos. O texto foi elaborado a partir de pesquisasbibliográficas online, Publicação cientifica, artigos, e também livros Fisiologia Humana e Mecanismo de Doenças.

3. Resultados

“O sono é uma variação da consciência que é familiar a todos. Se você viver até os 75 anos, provavelmente passará de 18 a 25 anos dormindo. Embora seja um estado familiar da consciência, o sono é muitas vezes mal-entendido. Muitos o consideram como um estado uniforme deinatividade física e mental, durante o qual o cérebro está “desligado”.
“Na realidade, durante o sono passamos por diversos estágios de consciência e experimentamos muitas atividades físicas e mentais.” (Wayne Weiten, 1997, 136).
“O sono é importante para a saúde e qualidade de vida. “Alguns estudos relatam que passamos dois terço de nossa vida dormindo, e calcula-se que 14% das pessoas sofrem dealgum transtorno do sono.” (Dr. Armando Miguel Jr.)
O sono se divide em dois estágios: “A fase REM é um estágio profundo do sono marcado por movimentos oculares rápidos, ondas cerebrais de alta freqüência e sonhos. É uma fase tão especial do sono que as outras fases são chamadas de “não - REM”. Essas fases do sono compreendem os estágios de 1 a 4, que são marcados pela ausência de movimentos...
tracking img