Trabalho escolar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 40 (9880 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO


FACULDADE DE ENGENHARIA E ARQUITETURA


ENGENHARIA ELÉTRICA














Douglas Variani

















SISTEMA DE AUTOMAÇÃO E CONTROLE DE CÂMARA DE CURA DE CONCRETO

















Passo Fundo


2010


Douglas Variani














Sistema de Automação e Controle de Câmara de Cura deConcreto

















Trabalho de conclusão apresentado ao curso de


Engenharia Elétrica da Faculdade de Engenharia


e Arquitetura da Universidade de Passo Fundo,


como requisito para obtenção do grau deEngenheiro Eletricista, sob orientação do Dr.


Eduardo Appel












Passo Fundo


2010


Douglas Variani








Sistema de Automação e Controle de Câmara de Cura de Concreto








Trabalho de conclusão apresentado ao curso de


EngenhariaElétrica da Faculdade de Engenharia


e Arquitetura da Universidade de Passo Fundo,


como requisito para obtenção do grau de


Engenheiro Eletricista, sob orientação do Dr.


Eduardo Appel






Aprovada em _____ de ___________________________ de______________





BANCA EXAMINADORA


____________________________________


Dr. Eduardo Appel – UPF – Orientador


____________________________________


Dr. Mikhail Polonskii – UPF – Examinador


____________________________________


Dr. Paulo Sérgio Corrêia Molina – UPF – Examinador








RESUMO





O presente projeto consiste no desenvolvimentode um sistema microcontrolado, que realiza o controle de temperatura e umidificação da câmara de cura de concreto do Centro de Tecnologia em Engenharia Civil ( CETEC ) da Universidade de Passo Fundo,o sistema possui instalado um umidificador com reservatório de água controlado por software, além de transdutores para leituradas informações climáticas. , assim como será instalado um umidificadorcom reservatório controlado por software, também, e ainda contara com um sistema de transdutores para leitura e captação das informações climaticas.


O sistema funciona deverá funcionar no modo padrão, baseado na NBR9476 que estabelece uma temperatura de (23±2) ºC e umidade relativa 95% dentro da câmara úmida para ensaios com corpos cilíndricos. O sistema apresenta apresentará apossibilidade de ensaios fora dos padrões estabelecidos pela norma, permitindo ao usuário digitar a temperatura e umidade para ensaios de rigidez do concreto.


Os ensaios são serão convencionados segundo a NBR5738, 24horas de duração, e, da mesma forma, permite permitirá que o usuário escolha digite o tempo desejado para o teste, fazendo assim assim fazendo um ensaio mais longo para durabilidadee rigidez dos corpos-de-prova.





Palavras chave: sistema microcontrolado, câmara de cura de concreto, instrumentação eletrônica, transdutor de temperatura, transdutor de umidade, NBR9476, NBR5738.

















LISTA DE FIGURAS


Figura 1 - Corpo-de-prova teste de ruptura 17

Figura 2 - Termopar didático 20

Figura 3 - RTD (Resistence Temperature Detectors) 21Figura 4 - Curva característica dos transdutores PTC e NTC 22

Figura 5 - Termistores comuns 23

Figura 6 - Comparação entre a linearidade de um transdutor de silicio integrado com um termistor 24

Figura 7 - Estrutura Básica do transdutor de umidade condutivo 27

Figura 8 - Estrutura básica de um transdutor de umidade capacitivo 28

Figura 9 - Estrutura básica de um transdutor de...
tracking img