Trabalho ead

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6036 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Fernanda Assunção
Leandro Montello
Micheli Ferreira
Patricia Gabas
Yuri Zurutuza




















ANÁLISE DE VIABILIDADE ESTRATÉGICA
ESTRATÉGIA DE INTEGRAÇÃO VERTICAL




























Universidade Católica Dom Bosco – UCDB
Campo Grande – MS
Abril - 2012

FernandaAssunção
Leandro Montello
Micheli Ferreira
Patricia Gabas
Yuri Zurutuza















ANÁLISE DE VIABILIDADE ESTRATÉGICA
ESTRATÉGIA DE INTEGRAÇÃO VERTICAL








Análise de viabilidade estratégica apresentada como requisito parcial para aprovação na disciplina Gestão Estratégica de Negócios II, do curso de Administração daUniversidade Católica Dom Bosco, sob orientação do Prof. Me. Ricardo Alexandre Martins Garcia.



























Universidade Católica Dom Bosco - UCDB
Campo Grande – MS
Abril - 2012

SUMÁRIO


1 INTRODUÇÃO 04
2 A ORGANIZAÇÃO 05
3 ANÁLISE ESTRATÉGICA 07
3.1 Cadeia de valor 07
3.2 Análise das ameaças ambientais 08
3.3 O setor 10
3.4Análise de VRIO 11
3.4.1 Recursos financeiros 12
3.4.2 Recursos físicos 14
3.4.3 Recursos individuais 15
3.4.4 Recursos organizacionais 17
3.5 Viabilidade estratégica 19
3.6 Implementação 20
4 CONSIDERAÇÕES FINAIS 21
















INTRODUÇÃO


A análise de viabilidade estratégica que será desenvolvida no decorrer deste trabalho é a de Integração Vertical,que de forma resumida, refere-se ao grau de controle que determinada empresa possui em sua cadeia de produção, ou cadeia de valor.
A integração vertical pode ser de dois tipos: integrada verticalmente para trás, ou a montante, que é quando ela se volta para mais próxima da produção, ou da mão de obra na cadeia produtiva. Já na integrada verticalmente para frente, ou a jusante, a integração éfeita para frente, sendo mais próxima do consumidor final.
São varias as vantagens de se optar pelos processos de integração, entre essas vantagens, as principais são o maior controle sobre a qualidade dos produtos ou da matéria prima, maior controle dos prazos, diminuição de custos na produção, assegurar abastecimentos e não ficar dependente de fornecedores. Por outro lado, há asdesvantagens em se operar pela integração, entre elas fugir do foco de atividade da empresa, redução de flexibilidade se for necessário que empresa mude de negocio, alto investimento de recursos financeiros e inexperiência no novo setor.
Assim, para implementar a estratégia de integração é primordial que primeiramente se realize um estudo da empresa, seus pontos fortes e fracos, para assim descobrirse há capacidade de realizar a integração ou não.
Os objetivos da analise desta estratégia com a empresa Espetinho Bom Sabor é avaliar se a implementação dela trará benefícios satisfatórios, que agregaram vantagens competitivas á empresa.
As metodologias utilizadas será o modelo das cinco forças ambientais, o setor e a analise de VRIO. O modelo das cinco forças ambientais,resumidamente, é uma ferramenta para auxiliar na estratégia da unidade de negocio, e estuda o ambiente externo em que a organização está inserida, subdividindo-se em ameaça de entrada, ameaça de substitutos, ameaça de compradores, ameaça de rivalidade e ameaça de fornecedores. A análise do setor baseia-se em como a empresa é classificada em termos de estrutura e quais as oportunidades que lhe surge. Enfim, aanálise de VRIO (Valor, Raridade, Imitabilidade e Organização), que é uma metodologia de analise das capacidades e dos recursos da empresa, procura responder a questões como se os recursos são valiosos, se são raros, se são fáceis imitáveis, e por ultimo se a empresa está organizada para aproveitar os recursos e capacidades que possui.
A elaboração deste relatório pode proporcionar a...
tracking img