Trabalho decente- oit organização internacional do trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2954 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

2 TRABALHO DECENTE 4
2.1DEFINIÇÃO DE TRABALHO DECENTE 5
2.2 PRIORIDADES DA AGENDA NACIONAL DE TRABALHO 7
2.2.1 Análise dos Avanços desde 2003 dessas prioridades 9
2.3 TRABALHOS DECENTES NA REGIÃO DE RIO DO SUL SC 10
2.4 VIABILIDADE DO TRABALHO DECENTE PARA AS EMPRESAS 11
2.5 PAPEL DO ADMINISTRADOR NA PROMOÇÃO DO TRABALHO DECENTE 11
2.6 ANÁLISE DOSTEXTOS ENCONTRADOS 11
2.7 ANÁLISE DE COESÃO E COERÊNCIA DOS TEXTOS 11

4 CONCLUSÃO 13

REFERÊNCIAS 14

INTRODUÇÃO

Neste trabalho será abordado sobre Trabalho Decente, onde após a Segunda Guerra Mundial em 1919, foi criada a (OIT) Organização Internacional do Trabalho, onde visa à proteção de homens e mulheres para um trabalho digno, que é uma condição para a liberdade,equidade, segurança e proteção social, capaz de garantir uma vida digna. De modo que será explicado o conceito de (OIT) Organização Internacional do Trabalho, suas prioridades e os seus avanços, desde 2003 até os dias atuais, relatando o Trabalho Decente em nossa região, tal como a viabilidade de Trabalho Decente para as empresas, bem como o papel do administrador.

TRABALHO DECENTEPara que homens e mulheres pudessem ter um trabalho descente e produtivo, em condições de liberdade, equidade, segurança e dignidade, em 1919 após o fim da Primeira Guerra Mundial foi criada a (OIT) Organização Internacional do Trabalho, que é a única das agências do Sistema das Nações Unidas com uma estrutura tripartite, composta de representantes de governos, deorganizações, de empregadores e de trabalhadores, onde 183 Estados-membros participam em situação de igualdade das instâncias da Organização.
A formulação e aplicação das normas internacionais do trabalho, convenções, e recomendações, uma vez ratificadas por decisão de um país, passam a fazer parte de seu ordenamento jurídico. Os membros da Organização Internacional do Trabalho (OIT)adotaram 188 Convenções Internacionais de Trabalho e 200 recomendações sobre diversos temas como: emprego, proteção social, recursos humanos, saúde e segurança no trabalho etc.
A declaração dos Princípios e Direitos Fundamentais no Trabalho foi criada em 1998, e estabelece quatro princípios fundamentais, nos quais todos os membros da Organização Internacional do Trabalho(OIT) estão sujeitos: liberdade sindical e reconhecimento efetivo do direito de negociação coletiva; eliminação de todas as formas de trabalho forçado; abolição efetiva do trabalho infantil; eliminação de todas as formas de discriminação no emprego ou na ocupação.
O Brasil está entre os membros fundadores da Organização Internacional do Trabalho (OIT) e participa desde aprimeira reunião.
Uma das prioridades da Organização Internacional do Trabalho (OIT) é o combate do trabalho escravo e a promoção dos direitos humanos. Em frente aos desafios de déficits em matéria de crescimento de emprego e da globalização, a Organização Internacional do Trabalho (OIT) instituiu o Trabalho Descente, onde abrange a promoção de oportunidades para mulheres e homens do mundo aconseguir um trabalho produtivo, remunerado adequadamente, exercido em condições de liberdade, equidade e segurança, capaz de garantir uma vida digna, um trabalho digno.
O eixo central para o Trabalho Decente converge em quatro objetivos da Organização Internacional do Trabalho (OIT):
• - respeito às normas internacionais de trabalho, em especial aos princípios e direitosfundamentais do trabalho;
• - promoção do emprego de qualidade;
• - extensão da proteção social;
• - fortalecimento do diálogo social.
Em 2003 foi lançada a Agenda Nacional de Trabalho Decente, buscando agregar um nível maior de participação.
As áreas de atuação da Organização Internacional do Trabalho (OIT) no Brasil desde então, articula em torno de...
tracking img