Trabalho de tga - escola clássica e científica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 29 (7130 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
SUMÁRIO

PESQUISA
INTRODUÇÃO: Escola Clássica e Científica…………………………………… 04
1. Vida e Obra de Fayol e de Taylor………………………………………… 05
…………………………………………………………………………………… 06
1.1 Idéias e Inovações das Escolas……………………………………………… 07
……………………………………………………………………………………. 08
1.2 Análise e Críticas deVisão……….…………………………………………… 09

1.3 Síntese: A Abordagem Clássica……………………………………………... 10

2. Princípios da Administração segundo Fayol e Taylor e suas Funções….. 11
..…………………………………………………………………………………… 12
..…………………………………………………………………………………… 13
2.1 Os Elementos da Administração…………………………………………….14
2.2 Comando: Autoridade e Responsabilidade.…….…………………………... 15
2.3 Confrontos: Propostas e Respostas…………………………………………… 16
..……………………………………………………………………………………. 17
3. Reflexos na Gestão da Qualidade – Identidades………………………….. 18
..……………………………………………………………………………………. 19
3.1 Reflexos naGestão da Qualidade – Estratégia……………………………… 20
..……………………………………………………………………………………. 21
..……………………………………………………………………………………. 22
3.2 Reflexos na Gestão da Qualidade – Atualidades…………………………… 23
3.3 Conclusões…………………………………………………………………… 24
INTRODUÇÃO: ESCOLA CLÁSSICA E CIENTÍFICA

Enquanto Frederick Taylor eoutros engenheiros americanos desenvolviam nos Estados Unidos a Administração Científica, por volta de 1916, surgia na França o movimento conhecido como a Teoria Clássica da Administração, que logo se espalharia pela Europa.
As duas escolas, Cientifica e Clássica, tinham por objetivo maximizar a eficiência da organização, que se tornava questão de sobrevivência, à medida que as empresas expandiam-se,levando a concorrência a níveis desconhecidos até então. A grande diferença entre as duas é que, enquanto Taylor e seus seguidores colocavam toda a ênfase nas tarefas (ou seja, no trabalho do operário), os devotos da Teoria Clássica da Administração, encabeçado por Fayol, enfocaram a estrutura da organização.
Na Escola da Administração Científica, desenvolvida por Taylor, a preocupação básicaera aumentar a produtividade da empresa por meio do aumento de eficiência no nível operacional.
Nessa Evolução do Pensamento Administrativo, essa abordagem trata a organização “de baixo para cima” (do operário para supervisor e gerente). Essa análise constituiu a chamada
“Organização Racional do Trabalho”.
Já a Teoria Clássica tinha como preocupação básica aumentar a eficiência da empresa por meioda forma e disposição dos órgãos competentes da organização e das suas inter-relações estruturais.
Nesse sentido, essa corrente é inversa à abordagem da Administração Científica: de cima para baixo (da direção aos departamentos) e a sua principal característica é a ênfase na estrutura.
Partindo da análise do todo organizacional, a Escola Clássica busca a eficiência, a partir da otimização daestrutura da organização, que levaria naturalmente à máxima eficácia de cada uma das suas partes. Taylor enfoca o operário e a sua supervisão, Fayol dá mais importância à chefia em si, bem como aos cargos mais elevados dentro da empresa.
Uma análise das escolas tradicionais da administração mostra que as raízes da Gestão da Qualidade se encontram em conceitos, estratégias, diretrizes e postulados quecaracterizaram cada um destes movimentos da história da administração. Este estudo permite melhor compreensão da própria Gestão da Qualidade pela análise dos fundamentos
de conceitos e técnicas que a referenciam e são por ela utilizados e, simultaneamente, garante meios para a correta aplicação de mecanismos importantes no processo de gestão.

1. VIDA E OBRA DE FAYOL E DE TAYLOR

Henri...
tracking img