Trabalho de ph

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1131 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
TÍTULO DO TRABALHONOME DO ALUNO
RIO DE JANEIROMÊS - ANO
[pic]
[pic][pic]  CENTRO UNIVERSITÁRIO NOSSA SENHORA DO PATROCÍNIO
FACULDADE DE ENGENHARIA E ARQUITETURA-FEA










PH E CHUVA ÁCIDA

FELIPE TAVARES










































ITU, MAIO DE 2012
FELIPE TAVARES













PH E CHUVA ÁCIDATrabalho apresentado à Professora Andréa Varsone Carreri  da disciplina QUÍMICA TECNOLÓGICA I do curso DE ENGENHARIA CÍVIL turma A , da Faculdade de ENGENHARIA E ARQUITETURA-FEA  





























ITU, MAIO DE 2012
1 - INTRODUÇÃO

Ácidos e bases são encontrados em quase todo lugar. No interior decada célula viva, existe uma fábrica que produz os ácidos e as bases que suportam a vida e controlam a composição de nosso sangue e fluidos celulares. Ácidos e bases afetam o sabor, a qualidade e a digestão de nossa comida. A leitura de qualquer jornal nos alerta para o papel da chuva ácida no ambiente. Nessa pequena pesquisa veremos algumas características e algumas definições, sobre ácidos,bases, ph e uma consequência muito comum da poluição, a chuva ácida.

2 - DESENVOLVIMENTO DO TRABALHO


2.1 – O que são substâncias ácidas e básicas?

Substâncias ácidas: "ácido é toda substância que em solução aquosa se dissocia fornecendo íons H+, como único tipo de cátion".


HCl ---> H+ + Cl–


De acordo com Arrhenius, substâncias ácidas são aquelas que em soluçãoaquosa sofrem ionização liberando íons H+. Estes íons por sua vez reagem com a água formando o íon H2O+ também chamado de hidrônio.


Bases: "base é toda substância que, dissolvida em água, se dissocia, fornecendo íons hidróxido como único tipo de ânion”.


NaOH ---> Na+ +OH –


A teoria de Bronsted – Lowry: Bronsted e Lowry em 1923, propuseram uma teoria mais ampla, válidapara todos os meios (meio alcoólico, meio aquoso, etc.).
Ácido= qualquer espécie química que doa prótons.
Base= qualquer espécie química que aceita prótons.


A teoria de Lewis: Lewis em 1923, apresentou uma definição eletrônica de ácido e base, ele se baseou no conceito de base de Bronsted, que é a espécie que recebe próton, assim para receber próton, a base deve fornecer um par deelétrons para a ligação.
Ácido: Toda espécie química que recebe par de elétrons.
Base: Toda espécie química que doa par de elétrons.


2.2 – Definição de pH

O pH é o símbolo para a grandeza físico-química potencial hidrogeniônico, que indica a acidez, neutralidade ou alcalinidade de uma solução aquosa. O termo pH foi introduzido, em 1909, pelo bioquímico dinamarquês Søren Peter LauritzSørensen (1868-1939). O "p" vem do alemão potenz, que significa poder de concentração, e o "H" é para o íon de hidrogênio (H+). A escala de pH vai de 0 a 14. Em 7 pH, que é bem na metade, há um equilíbrio entre acidez e alcalinidade, esse tipo de solução é neutra.
2.3 – Importância do pH

Ácidos e bases são os dois tipos mais comuns de substâncias no laboratório e no mundo cotidiano.Precisamos saber como reconhecê-los, quais são as suas reações características e por que eles são substâncias químicas tão importantes e para isso temos o pH, a sua escala e seus indicadores, para podermos analisar, comparar, medir e poder controlar as concentrações de acordo com o desejado e com a situação.

2.4 – pH e chuva ácida

A chuva ácida é um fenômeno que surgiu com a crescenteindustrialização do mundo, em relação direta com a poluição do ar. O termo chuva ácida foi primeiramente usado em 1872 por Robert Angus Smith, um químico e climatologista inglês. Ele usou para descrever a precipitação ácida em Manchester logo após a revolução Industrial.
A água neutra tem pH de 7, a chuva torna-se naturalmente ácida pela dissolução de dióxido de carbono da atmosfera.O...
tracking img