Trabalho de filosofia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1260 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
ADMINISTRAÇÃO

ALEXANDRE CAPANEMA MACIEL

FILOSOFIA

Sete Lagoas
2010

ALEXANDRE CAPANEMA MACIEL

FILOSOFIA

Trabalho apresentado ao Curso de Bacharelado em Administração da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a Atividade da Disciplina de Filosofia
Orientador: Profª. Márcia Bastos de Almeida.

Sete Lagoas
2010
SUMÁRIOINTRODUÇÃO.......................................................................................................... 04
DESENVOLVIMENTO............................................................................................. .05
CONCLUSÃO.......................................................................................................... 08REFERÊNCIAS........................................................................................................ 09

INTRODUÇÃO

Nesta atividade destacamos a importância dos conceitos de moral e ética, princípios que vem sendo deixado de lado pelas pessoas, para conseguir seus objetivos sem importar os métodos utilizados. Reforçamos a afirmação que a atividade moral esta relacionada a uma vida social em grupo, ondetemos regras para serem seguidas. Mostraremos a importância de uma pessoa ter uma formação moral solida, será útil para o resto de sua vida, tendo ética em suas ações ganhando respeito e credibilidade pela sociedade em que convive.




ANÁLISE DO ESTUDO DE CASO

01) Leia o texto e comente a afirmação: “ Não há atividade ‘ moral’ autônoma ; amoral é uma relação entre as atividades humanas”.

Realmente não existe atividade moral autonoma, poque na própria definição de moral se diz que é um conjunto de normas elaborada pela sociedade para poder regular o comportamento das pessoas que compartilham uma vida coletivamente. Se a moral pudesse ser exercida de forma individual, cada pessoa agiria de acordo com seus interesses,não importanto a forma de atingir os objetivos.Como somos diferenciados dos outros seres vivos existentes no planeta, porque conseguimos raciocinar, então temos habilidade de saber o que é bom e ruim, tendo a noção de distinguir e respeitar situações ou decisões que podem me favorer mas prejudicar os outros. Para que situações de conflito nesses casos sejam contemporizadas, são definidas normase leis atravé de consenso, baseados em principio de justiça buscando um ponto de equilibrio que satisfaça a sociedade.
Aristóteles no seu tempo, já falava sobre virtude moral, que era adiquirida na educação que as pessoas recebiam, as vezes aparentava uma falta de autonomia em determinadas situações, mas tinham autonomia em certo sentido, porque as pessoas devido as razõesautonomas podiam justificar o seu jeito de viver. Mas mesmo nesta época tendo a opção de aceitar ou não, as pessoas decidiam por aceitar, porque foram educadas para isso e a sociedade enxergava com uma ação virtuosa sendo bem vista por todos. Kant nas suas treis obras escritas entre os anos de 1781 e 1790, foi um divisor de agua em relação aos estudos da filosofia moral. Ele dizia que conhecer a leimoral, não garantia sua prática, porque os homens são dotados de inclinações que levam a viola-las . Mais tarde sugir Jurgen Habermas que contrariando a teoria de Kant de que a razão seria capaz de encontrar em si mesma a lei moral de forma ampla, partindo dos principios imperativos categóricos. Propos uma dialogicidade da razão, sugerindo uma comunidade com pessoas esclarecidas, que promovamdiálogos pautados de assuntos que busque decisões justas . Deixando de lado o individualismo e egoísmo, chegando no que pode ser considerado moral de fato. Isto mostra que a atividade moral tem de ser estabelecida pelo consenço de decisões coletivas, priorizando justiça na criação de suas normas.

02) O que é moral e como ela atua na formação do individuo?

São...
tracking img