Trabalho de economia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1112 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
TRABALHO
DE INTRODUÇÃO
À ECONOMIA II












INTRODUÇÃO À ECONOMIA II




01) – O que é Teoria das Vantagens Comparativas ?


A teoria das vantagens comparativas, também conhecida como princípio da vantagem comparativa, é a teoria que busca explicar porque o comércio entre dois países, regiões ou pessoas pode ser benéfico,mesmo quando um deles é mais produtivo na fabricação de todos os bens. A teoria diz que quando há comércio entre países, preferencialmente sem barreiras e restrições, a produção mundial cresce, porque permite que cada país se especialize na produção do bem a qual apresenta vantagens comparativas.
Um país, estado ou região tem vantagens comparativas na produção de um bemse o custo de oportunidade da produção do bem em termos de outros é mais baixo que em outros países, estados ou regiões. As empresas e os países devem dedicar-se e especializar-se nos setores que usufruem vantagem comparativa e procurar estabelecer relações comerciais entre si envolvendo parte ou totalidade de sua produção para que cada empresa possa dedicar-se a produção daquilo que detémvantagem.



02) – Exemplifique essa teoria.


A indústria automobilística brasileira, um setor que se utiliza muito aço e energia elétrica, duas matérias primas abundantes e relativamente barata no Brasil.
A Mitsubish vai ampliar sua fábrica no Brasil, transferindo do Japão para Goiás diversas linhas de produção.Imaginemos dois produtos: carnes e computadores. Imaginemos agora dois países: Brasil e Japão. Os japoneses precisam fabricar computadores e criar gado, o mesmo acontece com o Brasil que também necessita dos dois elementos: os computadores e a carne. Para os japoneses produzirem carne é algo complicado, já para o Brasil é bem mais fácil. Para os brasileiros produziremcomputadores é bem complicado, mas para os japoneses é mais fácil.
Sendo assim, o comércio entre os países leva uma situação tal que o Brasil tenderá a produzir carne em grande quantidade a ponto de suprir a demanda de brasileiros e japoneses.
Por outro lado os japoneses produzindo computadores e exportando para nós. Isso acontece porque há vantagensem cada país na produção de cada um dos bens e há comércio entre eles.



03) – Cite pelo menos dois aspectos que relacionam Economia e Direito.


Tanto o direito quanto a economia existem para regular aspectos da vida em sociedade, sendo assim, este é o ponto comum entre ambos.
“Onde há sociedade há direito”, pois em qualquer lugar emque várias pessoas convivam, será necessário o estabelecimento de leis para reger as relações sociais.
Da mesma forma pode-se dizer que: “onde há sociedade há economia”, pois os bens são limitados e os desejos humanos são ilimitados. Por isso, cabe a economia dizer, em termos gerais, como utilizar de modo correto e racional os bens existentes.

Aspectos querelacionam economia e direito:

• Remuneração e salário – que na economia representam a contraprestação paga a quem exerce o trabalho;

• Análises e conclusões econômicas - para serem fielmente aplicadas, dependerão de leis e as leis, como é evidente, estão no âmbito do Direito.

.

04) – Quantos planos de estabilização o Brasil teve após a queda do regime militar? Cite-os.

São seis osplanos de estabilização econômica, a saber:

1) Plano Cruzado – em 1986 – muda a moeda de cruzeiro para cruzado; congela preços e salários; extingue a correção monetária; cria o seguro-desemprego e o gatilho salarial; decreta a moratória e suspende o pagamento da dívida externa.

2) Plano Bresser - em 1987 – Mantém o congelamento de preços, salários e a moratória; aumenta tarifas...
tracking img