Trabalho comportamento organizacional cientista social, australiano, falecido em 1949, elton mayo é considerado o fundador do movimento das relações humanas, que se opôs aos princípios do trabalho de taylor. como

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1109 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O TRABALHO PROFISSIONAL COM USUÁRIOS DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS



1. Introdução

Este trabalho vem apresentar o trabalho de profissionais com usuários de substâncias psicoativas visando conhecer as formas de tratamento e como se dá a demanda de usuários na Instituição e o que são substâncias psicoativas e sua ação no organismo humano para avaliar sua ação e os prejuízosacarretados através do uso da mesma.

Segundo o CEBRID (Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas) que é um núcleo inserido no Departamento de Psicobiologia - Universidade Federal de São Paulo, sob a direção do Professor Elisaldo Carlini.
Iniciou suas atividades em 1978, consolidando seu trabalho na década de 80, a partir da necessidade de informações científicas a respeito doconsumo de drogas na população brasileira.
Vamos conhecer como as drogas atuam no organismo através de informações do site do CEBRID:



Ao atingirem o cérebro, as drogas modificam a nossa maneira de sentir, pensar e, muitas vezes, de agir. A mudança pode ser no sentido de fazer o cérebro funcionar mais devagar, deixando a pessoa mais lenta e desligada (drogasdepressoras), mais depressa, tornando o usuário mais ativo, ligado, sem sono (drogas estimulantes ou de fora do seu normal, perturbando a mente (drogas alucinógenas ou perturbadoras). (CEBRID, 2004).

Estas substâncias agem no organismo especialmente no cérebro provocando várias alterações dependendo do tipo de substância que forem consumidas, as drogas psicoativas são divididas em dois tipos:dependência psicológica, onde o usuário sente necessidade de utilizar a substância, e dependência física onde o usuário utiliza para evitar conseqüências, chamada de neurose na linguagem popular, ou síndrome de abstinência.




Segundo Laranjeira, 2003, p.6
As substâncias psicoativas com potencial de abuso são alvo da preocupação da sociedade brasileira, devido ao aumentoconsiderável do consumo das mesmas nas últimas duas décadas, tornando-se cada vez mais precoce entre adolescentes e mesmo crianças. Paralelamente, a comunidade identifica problemas correlatos como o crescimento da criminalidade e de acidentes automotivos, comportamentos anti-sociais, abandono da escola etc. A perplexidade por parte significativa da população que estigmatiza o problema aliada àfalta de políticas públicas de longo prazo para solucioná-lo estão em confronto com a crescente demanda por serviços de tratamento. (LARANJEIRAS, 2003, p.6).
A preocupação com o consumo de substâncias psicoativas nas ultimas décadas tem chamado atenção dos nossos governantes devido ao grande crescimento da violência e ao elevado numero de acidentes ocorridos nas estradas devido a imprudência e aoconsumo de substâncias químicas.
Devido a isso o então Presidente da República Fernando Henrique Cardoso sancionou a Lei Federal 10.216 de16 de abril de 2001 autorizando em todo país a internação involuntária de usuários de droga, valendo citar o artigo 5º que diz:
O paciente há longo tempo hospitalizado ou para qual se caracterize situação de grave dependência institucional,decorrente de seu quadro clinico ou de ausência de suporte social, será objeto de política específica de alta planejada e reabilitação psicossocial assistida sob responsabilidade da autoridade sanitária competente e supervisão de instância a ser definida pelo Poder Executivo, assegurada a continuidade do tratamento, quando necessário.
Segundo Canal Minas Saúde no Curso online “Adolescentes e anova onda.”
Pesquisa realizada com estudantes revela que existe um percentual considerável de estudantes que já fizeram uso de alguma substância química, já que o álcool e o tabaco são as mais usadas também pela população geral do Brasil e do mundo. Ambas são lícitas em quase todos os países e são as que maiores danos causam: o álcool causa doenças, acidentes e violência e o...
tracking img