Trabalho alienação e consumo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1136 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Trabalho, alienação e consumo.
* Trabalho como tortura: a palavra trabalhar deriva do latim tripaliare, que nomeava o tripálio , era um instrumento formado por três paus, próprio para atar os condenados ou para manter preso os animais difíceis de ferrar. Desde sempre o trabalho deriva a palavra tortura. A vida humana depende do trabalho, e já que o trabalho deriva de tortura, significa queo homem está condenado a viver uma vida de infelicidade.

* A humanização pelo trabalho: O homem faz historia através do trabalho. A natureza é transformada através do esforço coletivo, para colher frutos, domesticar animais, etc; pelo trabalho surgem instituições. O trabalho faz com que a pessoa seja “ser humano”, através do trabalho o homem constrói a sua subjetividade, ele modifica a visãode mundo que o homem tem. O trabalho liberta, concretiza sonhos, traz a possibilidade de superação.

Estamos, portanto diante de um impasse, o trabalho é tortura ou emancipação? É uma grande contradição.

* Ócio e Negocio: Negocio- Antes quando o homem era nômade a terra era de todos, havia uma divisão de tudo que o homem conquistava, mas essa tranquilidade em que viviam acabou no momentoem que um homem disse que “aquilo era seu”, assim surgiu a propriedade privada e junto com ela surgiu a desigualdade. Ócio- É quando determinam que uma pessoa “manda” e a outra é sua subordinada, é quando há a divisão dos trabalhos, um acredita ser superior ao outro.

* Uma nova concepção de trabalho: Antes a riqueza era restringida a posse de terras, mas durante a idade moderna asatividades mercantis e manufatureiras desenvolveram-se a tal ponto que a riqueza passou a significar também a posse do dinheiro provocando a expansão das fábricas.

* O trabalho como mercadoria: a alienação: Progresso alcançado pela Revolução Industrial não oculta a questão social. Havia uma grande exploração dos operários, longas jornadas de trabalho, salários baixos, esse estado de coisasdesencadeou os movimentos socialistas e anarquistas.

* Alienação na produção: Se manifesta na vida real quando o produto do trabalho deixa de pertencer a quem o produziu. Acontece porque na economia capitalista prevalece a lógica do mercado, em que tudo tem um preço, adquire um valor de troca. O trabalhador a vender sua força de trabalho mediante salario, o operário também se transformava emmercadoria.

* Fetichismo: o processo pelo qual a mercadoria, adquire “vida”, pois os valores de troca tornam-se superiores aos valores de uso.

* De olho no cronometro: O tempo de trabalho das pessoas era cronometrado, era um tempo de velocidade preestabelecido que não respeitava a cadencia do próprio corpo. Os donos de fabrica usavam esse método para o aumento da produtividade,economizava tempo transformando-o em mercadoria.

* O trabalho “em migalhas”: sistemas visavam à racionalização extrema da produção e, consequentemente, à maximização da produção e do lucro.

Taylorismo: caracteriza-se pela ênfase nas tarefas, objetivando o aumento da eficiência ao nível operacional.

Fordismo: A principal característica do fordismo foi a introdução das linhas de montagem, na qualcada operário ficava em um determinado local realizando uma tarefa específica, enquanto o automóvel (produto fabricado) se deslocava pelo interior da fábrica em uma espécie de esteira. Com isso, as máquinas ditavam o ritmo do trabalho.

Tanto o taylorismo quanto o fordismo tinham como objetivos a ampliação da produção em um menor espaço de tempo e dos lucros dos detentores dos meios de produçãoatravés da exploração da força de trabalho dos operários.

* Novos tempos na fabrica: Toyotismo é um sistema de organização voltado para a produção de mercadorias. Criado no Japão, após a Segunda Guerra Mundial, pelo engenheiro japonês Taiichi Ohno, o sistema foi aplicado na fábrica da Toyota (origem do nome do sistema).  O Toyotismo espalhou-se a partir da década de 1960 por várias...
tracking img