Trabalho academico

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (261 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
DISCIPLINA: COMUNICAÇÃO, CULTURA E REALIDADE BRASILEIRA
PRODESSORA: MARCIA ANDREA


CONSUMIDORES DO SÉCULO XXI,
CIDADÃOS DO SÉCULO XVIII.


RESUMO:
• Autor é um teóricoda comunicação na América latina (México);
• Analisa a América Latina como uma América subalterna ao capitalismo dos EUA;
• O livro é baseado no: Capitalismo, Imperialismo-> democracia liberal;


Objetivos:
• Compreender de que forma as mudanças na forma de consumir alteram as formas de exerce a cidadania;
Comentário: De que modona democracia liberal nós exageramos o individualismo, passamos a reivindicar como cidadãos e entendemos isso como cidadania;
Segundo o autor o exercício da cidadania não éindividual;
Segundo o liberalismo reivindicar os direitos individuais;
O autor diz que os meios de comunicação contribuem para a manutenção (reivindicação individual);Nos anos 90 nós melhoramos como consumidores (código do consumidor);
Deixamos de nos importar como cidadãos (exemplo: não gostamos dos nossos representantes políticos enão fazemos nada);


O próprio e o alheio: uma oposição que se desfigura:
Comentários: a partir dos anos 50 começam a surgir os signos de prestigio para destacar o cidadão dentroda sociedade. Quando o capitalismo aumenta suas ações de subjugar as outras nações. Aumenta a necessidade de destacar o cidadão pelos seus símbolos de poder. Condições de exercercidadania está no poder material. Signo de poder e prestigio que o próprio sistema impõe e nós acabamos concordando perdendo o rumo da cidadania. No mundo onde buscamos a felicidadeindividual existe mais violência. Numa sociedade temos que abdicar de algumas coisas para ela funcionar. Critério de felicidade nos anos 50 pula do caráter coletivo para o individual.
tracking img