Todos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2026 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
SERVIÇO SOCIAL

processo de trabalho e serviço social

2010

processo de trabalho e serviço social

Trabalho apresentado ao Curso de Serviço Social da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina de Processo de Trabalho e Serviço Social.



2010

INTRODUÇÃO

Otrabalho é aplicação das forças físicas e das faculdades mentais na execução de alguma obra, o que principiou no momento que o homem começou a transformar a natureza e o ambiente a seu redor em seu beneficio, seguindo passos de evolução e as vezes de reveses (involução), onde os mais fortes exploravam a força de trabalho daqueles mais fracos (servidão e escravidão), porém o que é nosso foco deestudo é o trabalho como emprego, conceito que surgiu por volta da Revolução Industrial e é uma relação dos homens que vendem a sua força de trabalho e os que à compra.
A situação de contraste que surgiu no período da Revolução Industrial é a que fez surgir as raízes do Serviço Social, como uma reação natural daqueles que estavam mergulhados na mais profunda miséria conhecida na história dahumanidade, onde os valores foram subestimados e aviltados das formas mais vil possível.
Nesta época as pessoas que produziam não tinham acesso as benesses de sua produção, as famílias foram divididas ou desconstruídas, as mulheres e crianças foram as maiores vitimas deste processo, pois por se tratarem de partes mais fragilizadas das relações foram exploradas ao ápice da desumanidade.
Osprimeiros movimentos sociais afloraram e foram sufocados, embora sempre sobra o eco e o medo que ninguém consegue enterrar, daí partiram as primeiras pessoas que com o condicionamento da igreja católica, e de certo, dos donos do capital que queriam dar resposta mesmo que de forma figurativa e com dúbias intenções; as irmãs de caridades que pertenciam em sua maioria a classe dos capitalistas, emborafazendo uma caridade paliativa sem se preocuparem com a raiz do problema, que simplesmente era as próprias relações de trabalho.
Os trabalhadores através de movimentos sociais foram os principais propositores e coordenadores da construção das relações de trabalho ate então, e que ainda segue em andamento este processo.

O PROCESSO DE TRABALHO
É necessário que se compreenda o verdadeirosignificado de trabalho principalmente como o explorado pela disciplina Processos de Trabalho em Serviço Social e a relação do trabalho secular de transformação da natureza através de dispêndio de capacidades físicas e mentais e o trabalho referente a emprego como relação estável entre aquele que organiza e aquele que o realiza, este surgido na Revolução Industrial e sendo estudado com bases realistaspor Karl Marx e Engels entre outros e contrapondo a estes, Adam Smith, entre outros defendendo o direito do capital a exploração.
Karl Marx e seu Materialismo Histórico que concebe seu “novo humanismo” afirmando: ”é que o homem como ser vivo precisa produzir as condições de sua existência por meio do trabalho”.
Karl Marx é um dos autores mais discutidos em todo mundo principalmente pela suaobra básica (O Capital), e teve seu trabalho teórico como base para as revoluções comunistas.

As demandas que chegam ao Serviço Social são históricas e, portanto, modificamse ao longo do tempo. Para a profissão, são colocadas demandas institucionais entendidas como canais de reconhecimento e legitimidade das demandas sociais, mas que expressam fundamentalmente as necessidades do capital. Asdemandas institucionais são diferentes das demandas sociais, uma vez que o que é demandado pela instituição é sempre mais reduzido do que realmente expressa a demanda social. Algumas demandas institucionais respondem mais diretamente a reprodução do capital, outras indiretamente, mas isso não exclui o fato delas sempre contribuir para a reprodução do capital (GUERRA, 2006). Nesse sentido, para...
tracking img