Titulos publicos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1717 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
‘FACULDADES METROPOLITANAS UNIDAS – FMU

Ciências Contábeis

“Títulos Públicos”



5º Semestre – Noturno
São Paulo, SP

Introdução:
Os títulos públicos são ativos de renda fixa que se constituem em boa opção de investimento para a sociedade. Os títulos públicos possuem a finalidade primordial de captar recursos para o financiamento da dívidapública, bem como para financiar atividades do Governo Federal, como educação, saúde e infra-estrutura.
Anteriormente, sem muitos recursos, você só podia comprar títulos públicos indiretamente pela aquisição de cotas de fundos de investimento. Neste tipo de investimento, as instituições financeiras funcionam como intermediários ao adquirirem os títulos públicos, que compõem as carteiras dos fundos,com os recursos oriundos de suas aplicações. No caso do Tesouro Direto, você pode comprar diretamente os títulos que desejar, com redução do custo de intermediação.
Isso ocorre porque você monta a sua própria carteira de investimentos, ao escolher os prazos e os indexadores dos títulos conforme seu interesse. Esse programa permite que o pequeno investidor administre diretamente suas aplicações.Se preferir também, poderá autorizar uma das instituições financeiras habilitadas a operar o Tesouro Direto (Agentes de Custódia) em seu nome, realizando as compras e as vendas de seus títulos públicos.
Essa nova alternativa de aplicação dos recursos permite investimentos a partir de R$ 200,00, com rentabilidade e segurança. Uma vez comprado os seus títulos, você pode aguardar o vencimento dopapel (data predeterminada para resgate do título), quando os recursos são depositados em sua conta.
Depois da aquisição, o ideal é mantê-lo até o final, para receber a totalidade dos retornos. Caso o investidor queira se desfazer do título antes, perde uma parte dos ganhos, pois tem que revendê-lo ao próprio Tesouro Nacional, órgão que o emite e negocia, ou no mercado secundário, pelo preçopraticado naquele momento.
O imposto cobrado nessa aplicação é o imposto de renda, mas também incide IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) no caso de resgate em prazo inferior a trinta dias.
As alíquotas de imposto de renda para esse investimento, válida para aplicações realizadas a partir de 2005, são:
22,5% quando o resgate é feito em até 180 dias
20% quando o resgate é feito entre 181 e 360dias
17,5% quando o resgate é feito entre 361 e 720 dias
15% quando o resgate é feito após 720 dias

Quais são os tipos de Títulos Públicos?
Existem basicamente quatro tipos de títulos, são eles:
PREFIXADOS
Seu retorno é estabelecido no momento da aquisição. O investidor sabe exatamente quanto vai ganhar no final.
LTN: Letra do Tesouro Nacional
NTN-F: Nota do Tesouro Nacional Série F.Também paga juros semestralmente

PÓS FIXADOS
Só se conhece o rendimento na data do papel no seu vencimento.
Atrelados ao Índice de Inflação:garantem a variação dos preços de acordo com um determinado índice, protegendo o seu detentor da inflação no período.
NTN-B: Nota do Tesouro Nacional Série B
NTN-B Principal
Atrelados a Taxa Selic:
LFT: Letra Financeira do Tesouro
Atrelados ao IGPM:NTN-C – Notas do Tesouro Nacional – série C

LTN – Letra do Tesouro Nacional
A LTN é um título prefixado, o que significa que sua rentabilidade é definida no
momento da compra. A rentabilidade é dada pela diferença entre o preço de compra do título e seu valor nominal (valor de face) no vencimento, sempre R$ 1.000,00. Essa diferença é conhecida como deságio do título.

A LTN possui fluxo depagamento simples, ou seja, o investidor faz a aplicação
e recebe o valor de face (valor investido somado à rentabilidade) na data de vencimento do título.
O título flutua em função das condições do mercado e das expectativas quanto ao comportamento das taxas de juros futuras. Um aumento na taxa de juros de mercado em relação à taxa que foi comprada pelo investidor provocará uma queda no...
tracking img