Tireoidite de hashimoto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1136 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Artigo Original
Tireoidite de Hashimoto e Câncer na Tireoide
Artigo submetido em 11/11/08; aceito para publicação em 25/3/09

Carcinoma Papilífero da Tireoide Associado à Tireoidite de
Hashimoto: uma Série de Casos
Hashimoto Disease Linked to Thyroid Papillary Carcinoma: a Number of Cases
Carcinoma Papilar Tiroideo Asociado con la Tiroiditis de Hashimoto: una Serie
de Casos

MarcosPedro Guedes Camandaroba¹, Lucas Sampaio Mata², Leonardo Brito de Almeida², Júlia Souto Miranda³, Murilo Pedreira Neves4

Resumo
Estudo que teve como objetivo quantificar a coexistência da tireoidite de Hashimoto no carcinoma papilífero da
tireoide, correlacionando-a com os dados demográficos, informações clínicas e diagnósticos anatomopatológicos
prévios. Realizou-se um estudo de série de 347casos de pacientes com diagnóstico anatomopatológico de carcinoma
papilífero da tireoide no serviço de Anatomia Patológica e Citopatologia do Hospital São Rafael, de janeiro de
2000 a dezembro de 2007. Foram feitas aplicações de formulários aos casos, visando a coletar os dados demográficos
e as informações clínicas; os exames anatomopatológicos foram diagnosticados pelos dois patologistas desteestudo.
O estudo apresentou uma coexistência de 31,4% de tireoidite de Hashimoto em pacientes com carcinoma papilífero
da tireoide. No sexo feminino houve um total de 96 casos (88,1%), o que demonstra maior frequência quando
comparado com os casos sem a coexistência. A série de casos apresentada mostrou uma frequência de 31,4% de
tireoidite de Hashimoto nos casos de carcinoma papilífero datireoide, sugerindo uma associação não apenas
casual, mas que levanta a possibilidade de uma relação de causa e efeito entre a tireoidite e o desenvolvimento do
carcinoma. No entanto, necessita-se de mais estudos, seccionais ou de coorte, para essa comprovação.
Palavras-chave: Glândula Tireoide/Patologia; Tireoidite; Doença de Hashimoto; Carcinoma; Dados Demográficos;
Pesquisa Biomédica;Diagnóstico Clínico; Análise Quantitativa

1

Acadêmico de Medicina da Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública.
Acadêmico de Medicina da Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia.
3
Médica Patologista do Hospital São Rafael, Salvador, Bahia.
4
Mestre em Medicina, Professor Assistente da Faculdade de Medicina da Universidade Federal da Bahia.
Trabalho realizado no Serviço deAnatomia Patológica e Citopatologia do Hospital São Rafael.
Endereço para correspondência: Murilo Pedreira Neves. Av. São Rafael, 2.152 - São Marcos - Salvador (BH), Brasil. E-mail: murilo.neves@hsr.com.br
2

Revista Brasileira de Cancerologia 2009; 55(3): 255-261

255

Camandaroba MPG, et al.

INTRODUÇÃO
O carcinoma papilífero é a forma mais comum de
câncer da tireoide e apresenta o melhorprognóstico
dentre as demais neoplasias malignas tireoidianas1,2,3.
São mais frequentes na população dos 20 aos 40 anos,
ocorrendo numa prevalência duas vezes e meia maior
em mulheres do que em homens; em crianças, o
carcinoma papilífero corresponde a 90% dos casos de
câncer da tireoide1,3,4,5,6.
A incidência de carcinoma papilífero da tireoide vem
aumentando em todo o mundo 7,8. NoBrasil, esses
números são proporcionais, ocorrendo 66 novos casos
em cada 100.000 habitantes por ano9.
Fatores ambientais, em especial a deficiência de iodo,
têm importante papel na patogênese desse tumor2,9. Outros
fatores, como a radioterapia externa na infância e
adolescência, exposição à radiação ionizante, doença
tiroideana preexistente e fatores genéticos, entre eles
mutação de RAS,proteína ERK e rearranjos do RET/
PTC estão associados com o aumento do desenvolvimento
do carcinoma papilífero1,10.
A tireoidite de Hashimoto ou tireoidite linfocítica
crônica é uma doença autoimune caracterizada por
infiltrado linfo-plasmocitário no parênquima tireoidiano,
elevação do hormônio tireoide-estimulante, e diminuição
dos hormônios tireoidianos (T3 e T4)4,5,11,12,13.
Essa...
tracking img