Tipos de tratamento de lixo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1120 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Tipos de Tratamento de Lixo

Alunas: Luísa Schwab, Eva Augusta Vargas, Fernanda de Barros, Carolina Boeing e Makieli Marcelino.
Introdução

As estatísticas atuais apresentam o lixo como um dos maiores problemas da sociedade e das cidades modernas. Com cada indivíduo produzindo 1,0 Kg de lixo diariamente, a produção de resíduos sólidos no mundo chega a 2 milhões de toneladas por dia.Não é de conhecimento de todos que existem diversas formas de tratamento de lixo, nem quais são suas características, por isso, temos como intuito neste trabalho, apresentar as diferentes maneiras para que isso aconteça. São elas: lixão, aterro sanitário, aterro controlado, incineração, compostagem, biogasificação, confinamento permanente e reciclagem. Bem como, as vantagens e as desvantagens decada um.


Desenvolvimento

1. Lixão

Esse é o local destinado a centenas de milhares de toneladas de lixo produzidas diariamente e que não recebem tratamento adequado. Mantidos em grandes áreas a céu aberto, normalmente afastadas dos centros urbanos, esses lugares são completamente tomados por todo tipo de resíduo vindo dos mais diversos lugares, como residências, indústrias, feiras ehospitais.
Vantagens: É muito comum pois é o destino de lixo mais barato para os órgãos públicos.
Desvantagens: Como o lixo fica livre no ambiente, causa sérios problemas, como a contaminação do solo e dos lençóis subterrâneos de água, além de contribuir para a proliferação de insetos e ratos transmissores de doenças.

2. Aterro sanitário
Instalações onde são depositados resíduoscompactados, acima ou abaixo da superfície do terreno.
Os aterros sanitários devem ser construídos em locais com características geológicas adequadas e são revestidos com materiais impermeáveis, como argila ou plástico, que previnem a infiltração no solo de substâncias lixiviadas.
Após estarem lotados, os aterros são selados, ou seja, tapados com uma cobertura de plástico e de terra quepermite o desenvolvimento de plantas que diminuirão o impacto paisagístico.
Vantagens: Construção rápida, baixos custos de manutenção e grande capacidade.
Desvantagens: Requer grandes áreas de implantação e possibilidade de contaminação de águas subterrâneas.

3. Aterro Controlado

É um sistema intermediário entre o lixão a céu aberto e o aterro sanitário. Não possui estrutura adequadade impermeabilização que trate o chorume.
Este método utiliza princípios de engenharia para confinar os resíduos sólidos, cobrindo-os com uma camada de material inerte na conclusão de cada jornada de trabalho.
Normalmente, um aterro controlado é utilizado para cidades que coletem até 50 toneladas/dia de resíduos urbanos, sendo desaconselhável para cidades maiores.
Vantagens: Como o lixoé coberto com terra e grama, passa a dificultar a entrada de pragas urbanas como ratos e urubus e o chorume do lixão passa a ser recirculado para facilitar a decomposição da montanha de lixo que está no local.
Desvantagens: Uma das desvantagens dos aterros controlados é que o lixo continua lá. Nenhuma medida é tomada para que o chorume do antigo lixão deixe de contaminar o solo.

4.Incineração

A Incineração é um processo de destruição térmica realizado sob alta temperatura - 900 a 1200 ºC com tempo de residência controlada.
Utilizado para o tratamento de resíduos de alta periculosidade, ou que necessitam de destruição completa e segura.
As escórias e cinzas são dispostas em Aterro próprio, os efluentes líquidos são encaminhados para estação de tratamento, onde 100%retornarão processo, e os gases oriundos da queima são tratados e monitorados on-line, sob alguns parâmetros.
Vantagens: Grande redução do volume de lixo, pequena área de implantação e as partículas sólidas ficam retidas nos filtros, sendo encaminhadas para os aterros sanitários juntamente com as cinzas.
Desvantagens: Poluição atmosférica e custos elevados.

5. Compostagem

A...
tracking img