Tipos de rochas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1220 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Tipos de Rochas e aplicações de cada tipo de rocha na Engenharia

Geotecnia I

P R OF ES S OR A: MY LAN E VI AN A HORTEGAL

ROCHAS
• Agregados naturais de uma ou mais espécies de minerais. • Constituindo assim unidades mais ou menos definidas da crosta terrestre.

Classificação quanto a gênese (Formação)
Magmáticas: Resfriamento e consolidação do magma (material em estado de fusão nointerior da terra) Sedimentares: Consolidação de materiais derivados da decomposição e desintegração de qualquer rocha Metamórficas: Originadas pela ação da pressão, temperatura e de soluções químicas de outra rocha qualquer

CICLO DAS ROCHAS

ESTUDO DAS ROCHAS

MINERAIS
Unidades constituintes das rochas e são definidos como sendo sólidos homogêneos, naturais, que apresentam arranjoatômico ordenado e composição química definida. Quantidades definidas e proporcionais de elementos químicos Arranjo organizada e regular  arranjo cristalino

Clivagem: é a propriedade que alguns minerais apresentam de segmentar segundo superfícies planas e paralelas, relacionadas à sua estrutura cristalina (normalmente planos de fraqueza na estrutura) Traço: é a cor do mineral reduzido a pó ROCHAS MAGMÁTICAS (ou Ígneas)

Composição química dos magmas: Magmas básicos: pobres em Si e ricos em Fe e Mg – muito móveis. Magmas ácidos: ricos em Si e pobres em Fe e Mg – mais viscosos.

ROCHAS MAGMÁTICAS (ou Ígneas)
Vulcânicas, Extrusivas
Superfície da crosta a partir da matéria expelida pelos vulcões Formadas na superfície (derrames); Resfriamento: rápido, contato direto com atmosfera;Cristais da rocha: muito pequenos; Exemplos: Riolito, andesito, traquito, fonólito, basalto

Plutônicas ou Intrusivas
Magma não consegue romper as camadas superiores da crosta; Formadas grandes profundidades; Resfriamento: gradual, origem a rochas cristalinas  perdas de calor são menores e mais lentas; Exemplos: Granito, diorito, gabro, diabásio, peridotito, peroxineto

Basalto

Granito ROCHAS MAGMÁTICAS (ou Ígneas)

Basalto

Granito
Diorito

Pedra-pomes

Sienito

ROCHAS MAGMÁTICAS (ou Ígneas)
CONSTRUÇÃO CIVIL: Granito  rocha mais empregada como pedra de construção. Basalto também se presta para as mesmas utilidades.

ROCHAS MAGMÁTICAS (ou Ígneas)
ATERROS: Solos rochas graníticas + grãos quartzo + lamelas argila: excelentes materiais para a construção deaterros compactados  aliam atrito e coesão Solos provenientes de basalto possuem grãos puramente argilosos, resistindo somente à coesão.

ROCHAS MAGMÁTICAS (ou Ígneas)
ESTRADAS: Rochas graníticas  vantagem de fornecer fragmentos de brita (forma cubóide), ideais para o emprego em bases de estradas, face à elevada resistência à compressão e ao desgaste que a elas confere.

ROCHAS MAGMÁTICAS (ouÍgneas)
BARRAGENS: Basaltos: problema permeabilidade, devido ao intenso fraturamento da rocha. - Injeção de calda de cimento; - Cortina de jet grouting; - Bermas na região de montante.

FUNDAÇÕES: Rochas graníticas e basálticas: excelentes materiais para servirem de fundação de prédios e demais obras de engenharia. O problema está associado aos solos residuais dessas rochas – presença de matacão. ROCHAS SEDIMENTARES
Resultam da desintegração e decomposição de rochas preexistentes (magmáticas, metamórficas ou sedimentares)  ação de intemperismo - conjunto de processos mecânicos, químicos e biológicos que ocasionam a transformação das rochas em sedimentos Contêm evidências de ambientes passados  Muitas vezes, contêm fósseis.

ROCHAS SEDIMENTARES

Deposição lenta

Deposiçãorápida

ROCHAS SEDIMENTARES
As etapas básicas do ciclo sedimentar são: - Decomposição de rochas (intemperismo) - Remoção e transporte dos produtos do intemperismo - Deposição dos sedimentos - Consolidação (endurecimento) dos sedimentos

ROCHAS SEDIMENTARES
Intemperismo da rocha geradora  eventual transporte do material (em suspensão ou solução)  deposição em ambiente de menor energia ...
tracking img