Timão

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1657 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
NOTAS CIENTÍFICAS

TAXA DE POLINIZAÇÃO CRUZADA EM CUBIU1
 

 
RESUMO - Com o objetivo de avaliar a frequência de hibridação natural em Cubiu (Solanum sessiliflorum Dunal) foram avaliadas em Manaus, AM, duas cultivares que se diferenciavam pela presença ou ausência de pigmentação de antocianina nos ramos, pecíolos e nervuras das folha. A taxa de polinização cruzada foi avaliada em trêsépocas do florescimento das plantas e foi estimada em 31%. Durante o desenvolvimento da cultura, observou-se grande presença de abelhas dos gêneros (Apidae) Paratrigona, Trigona e Melipona e coleópteros Crysomelidae.
 
NATURAL OUTCROSSING IN COCONA
ABSTRACT - In order to evaluate the natural rates of outcrossing in cocona (Solanum sessiliflorum Dunal), two cultivars, one with antocyaninpresence and other without antocyanin, were planted in Manaus, AM, Brazil. The percentage of cross-polination was evaluated in three plant flowering periods and was estimated in 31%. During the period of cultivation, high presence of beas of Apidae genus Paratrigona, Trigona and Melipona and beetle Crysomelidae were observed.
 
 
O cubiu (Solanum sessiliflorum Dunal) é uma solanácea produtora defrutos, originária da Amazônia. Planta de rápido crescimento, semi-lenhosa, que alcança até dois metros de altura, apresenta flores completas medindo entre 4 a 5 centímetros, dispostas em inflorescências em forma de rácimos curtos (Whalen & Anderson, 1981).
De acordo com Pahlen (1979), o cubiu pode ser considerado como de autofecundação, porque as plantas mostram boa produção de frutos,mesmo quando cultivadas isoladas. Porém, Fernandez (1985) destaca que algumas das características peculiares desta espécie, tais como a baixa taxa de fertilidade do pólen e a antera poricida, são mecanismos que promovem a polinização cruzada e indicam uma tendência à alogamia. Esse mesmo autor verificou uma baixa taxa de pegamento de frutos na polinização natural: em cerca de 200 inflorescênciasescolhidas para observação, 43,5% desenvolveram um fruto, 37,5% dois frutos, 15,0% três frutos, 3,5% quatro frutos, e 0,5% apresentavam cinco frutos, apesar de apresentar inúmeras flores por inflorescência. Também a confirmação da presença de abelhas sociais visitando as flores e carregando pólen nos plantios em Manaus aumenta a probabilidade da ocorrência de cruzamento natural entre as plantas(Pahlen, 1979).
Este trabalho tem como objetivo avaliar a taxa de cruzamento natural em cubiu, utilizando-se de um gene marcador responsável pela presença de antocianina nas plantas. Com esta finalidade, foi instalado um experimento na Estação Experimental de Hortaliças do INPA (Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia), situada no Km 14 da Rodovia AM 010, em Manaus, AM. O solo no local éclassificado como Podzolico Vermelho-Amarelo, A fraco, textura arenosa. O clima da região é do tipo "Afi", no esquema Köppen, com pluviosidade média anual de 2.400 mm (ocorrência de chuvas intensas de janeiro a maio) e temperatura média anual de 26ºC (Ribeiro, 1976). Foram utilizadas plantas de cubiu apresentando o caráter antocianina no caule, nos ramos, nos pecíolos e nas nervuras das folhas. As plantascom o referido caráter foram cultivadas intercaladas com plantas normais. O transplantio foi efetuado em julho de 1993.
O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, com quatro repetições e três plantas em cada parcela, no espaçamento de 1,00 x 0,50 m. Na época do florescimento, nas parcelas que apresentavam plantas com ausência de antocianina foram marcadas duas plantas, nasquais foram efetuadas as coletas dos frutos. As coletas foram efetuadas em três períodos: aos 98 dias pós-transplantio (Época 1), aos 128 dias pós-transplantio (Época 2) e aos 158 dias pós-transplantio (Época 3).
Em uma mesma planta, foram colhidos dois frutos em cada época, cujas sementes foram misturadas para a posterior semeadura. As épocas foram consideradas como tratamentos. As sementes...
tracking img