The true strory of romeo and juliet

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5357 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
COORDENADORIA GERAL DE SELEÇÃO E CONCURSOS EXAME DE SELEÇÃO 2012 ENSINO INTEGRADO

LÍNGUA PORTUGUESA
Texto 1 Seria o fogo em minha casa? Correriam risco de arder todos os meus manuscritos, toda a expressão de toda a minha vida? Sempre que esta ideia, antigamente, simplesmente me ocorrera, um pavor enorme me fazia estarrecer. E agora reparei de repente, não sei já se com pasmo ou sem pasmo, nãosei dizer se com pavor ou não, que me não importaria que ardessem. Que fonte – que fonte secreta mas tão minha – se me havia secado na alma?
Fernando Pessoa: Barão de Teive: a educação do insólito.

1 2 3 4

Questões de 1 a 5. 01. O esquema frasal do texto, como se pode observar, é formado por duas interrogações sucedidas por duas declarações sucedidas por uma interrogação. Desse esquema,obtém-se uma estrutura em que se pode delimitar A) introdução (nas duas interrogações iniciais), desenvolvimento (nas declarações), conclusão (na interrogação final). B) introdução (na primeira interrogação), desenvolvimento (na segunda interrogação), conclusão (na interrogação final). C) introdução (nas duas interrogações iniciais), desenvolvimento (na primeira declaração), conclusão (na segundadeclaração juntamente com a interrogação final). D) introdução (nas duas interrogações iniciais juntamente com a primeira declaração), desenvolvimento (na segunda declaração), conclusão (na interrogação final). E) introdução (na primeira interrogação), desenvolvimento (na segunda interrogação juntamente com as declarações), conclusão (na interrogação final). 02. A sequência do texto permite aseguinte compreensão em torno da ideia-problema que lhe é central: A) Antes de tudo, expõem-se as explicações que justificam o problema; depois, vêm as considerações sobre os rumos do problema; por fim, é apresentada uma possibilidade de problema. E a síntese da sequência deste texto é: exposição do problema (introdução); definição do problema (desenvolvimento); hipótese sobre o problema (conclusão). B)Antes de tudo, é apresentado o problema imaginário, seguido de sua circunstância; depois, vêm as explicações que justificam o problema; por fim, são tecidas considerações sobre os rumos do problema. E a síntese da sequência deste texto é: hipótese do problema (introdução); justificativas do problema (desenvolvimento); fechamento do problema (conclusão). C) Antes de tudo, é apresentada umaindagação decorrente das reflexões sobre o problema; depois, vêm as considerações sobre o problema; por fim, é revelada a circunstância e o problema propriamente dito. E a síntese da sequência deste texto é: decorrências do problema (introdução); análise do problema (desenvolvimento), apresentação circunstancial do problema (conclusão). D) Antes de tudo, é apresentada a circunstância em que o problema égerado e qual é o problema gerado;

depois, vêm as considerações sobre o problema a partir de suas relações com o tempo; por fim, é apresentada uma indagação decorrente das reflexões sobre o problema. E a síntese da sequência deste texto é: apresentação do problema (introdução); análise do problema (desenvolvimento); consequência das alterações do problema (conclusão). E) Antes de tudo, sãoapresentadas as mudanças de estado referentes ao problema; depois, vem a circunstância em que é gerado e qual é o problema; por fim, a busca da causa das alterações do problema. E a síntese da sequência deste texto é: estados do problema (introdução); apresentação do problema (desenvolvimento); causas do problema (conclusão). 03. As interrogações iniciais permitem, sem comprometer o sentido textual, aseguinte leitura ou compreensão: A) Quando o fogo fosse em minha casa, correriam risco de arder todos os meus manuscritos, toda a expressão de toda a minha vida. B) Se o fogo fosse em minha casa, correriam risco de arder todos os meus manuscritos, toda a expressão de toda a minha vida. C) Porque o fogo seria em minha casa, correriam risco de arder todos os meus manuscritos, toda a expressão de...
tracking img