Textos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1623 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O MANGUEZAL E AS OSTRAS NO COTIDIANO ESCOLAR DA COMUNIDADE DE PALATÉIA, BARRA DE SÃO MIGUEL, ALAGOAS
Wendell Melquias Medeiros Leal da Silva1, Pergentino Ferreira de Souza Neto 1*, Severino Adriano de Oliveira Lima 1*, Ícaro Messias Fernandes 1, Athiê Jorge Guerra Santos 2, José Carlos Nascimento de Barros 2, Maria do Carmo Figueredo Soares 2* Cristiane Maria Rocha Farrapeira 3

IntroduçãoUma educação inovadora se apóia em um conjunto de propostas com eixos que funcionam como diretrizes fundamentais para construir solidamente os alicerces de mudanças [1]. Neste sentido espera-se que a transposição didática seja efetivada com base na experiência, intenções, interpretações e valores do professor, implicando numa mudança de forma e conteúdo, na compreensão do espaço social e local emque a escola está inserida e das relações, identidades e representações nele construídos, permitindo que o aluno exercite uma compreensão mais global e crítica da comunidade [2]. A exploração de um ambiente natural é um importante recurso didático para várias disciplinas e se adéqua a vários níveis de escolaridade, constituindo-se uma oportunidade para desenvolver vínculos afetivos dos alunos com oambiente e os seres vivos, através de observação e do reconhecimento dos organismos no seu ambiente natural [3]. Entre os inúmeros ambientes susceptíveis de uma ação didático-pedagógica, os manguezais se destacam, por serem florestas costeiras que se desenvolvem nas zonas delimitadas pela influência das marés e por terem elevada produtividade biológica [4]. Algumas populações ribeirinhas mantêmrelação de grande dependência com os recursos, bens e serviços oferecidos por este ambiente, de onde provém boa parte das proteínas da dieta alimentar dessas populações [5]. No caso específico da comunidade da Palatéia, situada em Barra de São Miguel, Alagoas , a ostreicultura é uma importante atividade econômica, que tem gerado emprego e renda para vários produtores [6]. Seguindo os ParâmetrosCurriculares Nacionais que pressupõem uma educação contemporânea e contextualizada, capaz de contribuir para uma aprendizagem significativa, este trabalho objetivou desenvolver ações educativas envolvendo a atuação

dos Professores e alunos do Ensino Infantil e Fundamental da Escola Municipal Leonor Wenderborn Iafelice na comunidade da Palatéia, no contexto do projeto: Diagnóstico e AçõesSócio-Ambientais da Criação de Ostras Desenvolvida pela Associação “Paraíso das Ostras” e o Manguezal, como uma ferramenta de Educação Ambiental, aprovado no âmbito do PROETX-2009 Mec/SESu.

Material e métodos
Área de estudo princípios metodológicos A Associação Paraíso das Ostras é formada atualmente por 53 famílias que vêm trabalhando com a ostreicultura, e a maioria de seus associados reside nacomunidade da Palatéia, onde se encontra inserida a Escola Municipal Leonor Wenderborn Iafelice. A metodologia utilizada pressupõe os seguintes princípios: Valorização dos saberes dos participantes; estímulo à emissão de opiniões; criação de um ambiente lúdico (principalmente no caso específico das crianças) e prática interdisciplinar. Coleta dos dados Inicialmente fez-se uma apresentação da equipe deprofessores e estagiários da UFRPE e em seguida uma breve exposição sobre o projeto a ser desenvolvido na comunidade para a diretora e a coordenadora da Escola nos dias 24 e 25 de agosto de 2010. Em seguida utilizou-se da metodologia de pesquisaação, na qual os entrevistadores procuraram interagir com os entrevistados na busca de uma relação de troca, investigando-se como os professores abordavam aquestão do ecossistema manguezal e a ostreicultura em seu cotidiano de ensino (Figura 1). Além disso, ocorreu o processo da escuta dos alunos para apreender sua percepção sobre a mesma temática (Figuras 2 e 3). No processo de levantamento dos dados foram estabelecidos os primeiros contatos com a comunidade,

________________ 1. Alunos da graduação em Engenharia de Pesca, Departamento de Pesca...
tracking img