Textos argumentativos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (351 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O livro Memórias Póstumas de Brás Cubas  foi publicado no ano de 1881 e foi escrito por Machado de Assis. Ele conta as experiências de Brás Cubas, uma pessoa que faz parte da elite brasileira doséculo XIX. O narrador é em primeira pessoa e ele mesmo se autointitula um defunto autor, que é uma pessoa que já morreu e volta para contar as suas memórias. Dessa forma, o narrador conta os fatos damaneira que lhe convém.
A obra é embasada em dois tempos, o psicológico (em que o autor conta fatos sem seguir uma ordem linear) e o cronológico (onde os acontecimentos obedecem a uma ordem lógica: comoa infância, adolescência, etc.). Por isso, a verossimilhança é quebrada, já que aqui não existe a linearidade, como os leitores da época estavam acostumados.
A infância de Brás Cubas foi bastanteprivilegiada e é marcada por caprichos que os pais proporcionam. Na juventude, ele cai nas graças de Marcela, uma prostituta de luxo. Como ele se apaixonou por ela, gastou bastante dinheiro paraagradá-la. Quando o seu pai descobriu, fez o que muitos pais faziam na época no momento em que os seus filhos davam algum problema: o enviou para fazer faculdade de Direito em Portugal, na cidadede Coimbra.Ele vai contrariado para a faculdade, e Marcela não vai se despedir dele, como tinha sido combinado. Depois de formado, ele retorna ao Brasil e segue com a sua vida de privilégios. Depois, Brás Cubasse interessa por Virgília, e é incentivado a apostar nesse romance pelo seu pai, pois como ela é filha de um ministro, vê esse casamento com bons olhos.
Mas ela acaba se casando com Lobo Neves, eacaba levando também a candidatura para deputado em que Brás Cubas estava interessado. De um modo geral, o romance Memórias Póstumas de Brás Cubas não apresenta grandes feitos e a obra termina com umcapítulo dedicado apenas as negativas.
Brás Cubas não se casa, não consegue concluir o emplasto (que é um medicamento que ele havia imaginado para conquistar a glória perante a sociedade) e não tem...
tracking img