Teste

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1392 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O Mistério das Máscaras de Chumbo

No dia 17 de agosto de 1966, Manoel Pereira da Cruz e Miguel José Viana, ambos técnicos eletrônicos, moradores na época na cidade de Campos, no Estado do Rio de Janeiro, saíram de suas residências com destino à cidade de São Paulo, com a finalidade de comprar materiais eletrônicos, em um veículo Volkswagen Sedã. Levaram consigo uma pasta com a importância de 6milhões de cruzeiros antigos.
Os familiares ficaram preocupados com a ausência dos dois técnicos eletrônicos, que haviam dito que ficariam apenas um dia na cidade de São Paulo e já se passavam três dias sem que houvessem retornado ou comunicado o atraso.
Os dois eram freqüentadores de um centro de macumba; além disso, diziam ter contatos com seres de outro planeta.
Certa vez, fizeram umademonstração de explosão com grande poder de fogo na praia de Atáfona, isso no dia 13 de junho de 1966. Essa explosão foi ouvida num raio de 10 km, chegando a balançar prédios e quebrar vidraças de várias residências.
As testemunhas disseram que a origem da explosão foi uma bola de fogo controlada pelos dois técnicos, juntamente com seus amigos Elcio Gomes e Valdir.
Na tarde de 20 de agosto de 1966,Jorge da Costa Alves, na época com 18 anos de idade, subiu ao Morro do Vintém para empinar pipa, quando encontrou os corpos dos dois técnicos em decúbito dorsal, ou seja, deitados de costas ao solo. O rapaz desceu o morro chamando a polícia, iniciando-se assim o levantamento do local por meio de fotografias, a arrecadação dos pertences das duas vítimas e as investigações propriamente ditas.
Oscorpos estavam um ao lado do outro, e as vítimas pareciam estar dormindo, ambos com a tez rosada, vestidos de terno e capa de chuva.
Os corpos não apresentavam sinais de violência, nem o local onde estavam. Ambos estavam com máscaras de chumbo que cobriam apenas os olhos.
A polícia encontrou um bilhete que dizia: “às 16:30 horas estar no local determinado. Às 18:30 horas ingerir cápsulas, e após oefeito proteger os olhos com as máscaras”.
A importância em dinheiro não foi encontrada pela polícia.
A testemunha Gracinda Barbosa Coutinho de Souza, moradora nas redondezas do morro, afirmou, juntamente com seus filhos, que todos viram um disco voador sobre o Morro do Vintém, um objeto de forma arredondada, de cor laranjada, que sobrevoou e permaneceu no ar por alguns minutos, justamente nodia e na hora da morte dos dois técnicos.
As experiências que eram feitas pelas duas vítimas foram confirmadas pelas testemunhas sra. Nely, viúva de Manoel Pereira da Cruz, pelo pai da vítima, Sebastião da Cruz, por Aloísio Batista Azevedo, amigo de ambas as vítimas, por Elza Gomes Vianne.
Alguns dias dantes da experiência, Manoel disse a seus familiares: “Vou assistir a uma experiênciadefinitiva. Depois dela poderei dizer se acredito ou não.”
A causa mortis não foi esclarecida pela polícia do Rio de Janeiro. Não se achou toxina venosa nos corpos das vítimas, e suas vísceras estavam íntegras.
Os delegados Venâncio e Sérgio Rodrigues, bem como os investigadores de suas respectivas equipes, não chegaram a nenhuma conclusão sobre as estranhas mortes.
Na época, o secretário de Segurança,dr. Homero Homem, determinou ao comissário Luizinho e aos delegados Sérgio Rodrigues Idociã que fizessem novas investigações na cidades de Campos e Macaé. Os policiais assim o fizeram e nada conseguiram descobrir sobre a origem das mortes e de seus possíveis autores.
Os dois corpos foram exumados pelos drs. Sebastião Faillace, Adalberto Otto e dois outros médicos-loegistas do antigo Estado daGuanabara, nada se constatando que pudesse provar a causa mortis, “se é que estavam mortos quando foram encontrados.”
O exame grafotécnico comprovou que o bilhete havia sido escrito por Miguel.
O material orgânico das vítimas foi encaminhado para o Instituto de Energia Atômica do Estado de São Paulo. No exame feito no aparelho de análise de ativação por nêutrons, não foram constatadas substâncias...
tracking img