Terrorismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4492 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Ano Lectivo 2010/2011

“Terrorismo”

Índice

Índice……………………………………………………………………………………………………………………………3
Introdução…………………………………………………………………………………………………………………..4
O que é o Terrorismo?.................................................................................................5
Origem/Surgimento do terrorismo……………………………………………………………………….7
Causas e consequências doTerrorismo…………………………………………………………………9
Tipos de Terrorismo………………………………………………………………………………………………..13
Organizações/Grupos terroristas………………………………………………………………………..15
Atentados terroristas…………………………………………………………………………………………….17
Problematização do conceito “Terrorismo………………………………………………………….21
Anexos……………………………………………………………………………………………………………………….28
Conclusão……………………………………………………………………………………………………………………30Bibliografia……………………………………………………………………………………………………………….31

Introdução

Este trabalho, intitulado “Terrorismo”, tem como principal objectivo reconhecer o terrorismo como um problema do mundo actual, da sociedade em que vivemos.
Como tal, pretendo apresentar uma explicação deste conceito e para que possamos perceber quais as suas causas e possíveis consequências.
Apresentarei portanto os diferentes tipos de terrorismo, os nomes de algumas organizações terroristas (bem como de atentados), e ainda alguns anexos com informaçõescomplementares.

O que é o Terrorismo?

O terrorismo, ainda que não seja de todo, um acontecimento invulgar na sociedade, têm-se vindo a acentuar como um problema da actualidade, relacionando-se com a economia, política e sociedade.

Imagem1 – Cenário após ataque terrorista

Terrorismo é o uso de violência, física ou psicológica, por indivíduos, ou grupos políticos, contra a ordemestabelecida, é a forma escolhida por certas organizações para alcançarem os seus objectivos políticos. Consiste em actos de violência física ou psicológica imprevisíveis, perpetrados contra Estados, indivíduos, grupos precisos e massas anónimas, de modo a instalar um ambiente de medo generalizado.
Deveremos ainda distinguir o terrorismo indiscriminado (são todas as acções que se destinam a fazer um dano aum agente indefinido ou irrelevante, não estabelecido previamente e que visa à propagação do medo geral na população) do terrorismo selectivo (visa um alvo reduzido, limitado, específico e conhecido antes de efectuar o acto e ainda a chantagem, vingança ou eliminação de um obstáculo).

Texto 1:
“Muitas podem ser as causas que motivam um terrorista suicida: a expulsão de estrangeiros, provocarmudanças políticas, realizar retaliação e vingança, ganhar projecção local ou global, construir uma imagem de poder, angariar apoio do público, recrutar novos voluntários, preservar território, cultura ou religião, etc.”
www.cerebromente.org.br/n13/terrorist8.htmlNos conflitos terroristas, a moral assume um papel preponderante na mente dos terroristas que consideram os seus valores fundamentalistas como correctos.
Segundo o seu ponto de vista egocêntrico apenas os seus valores são correctos e todos os outros devem respeitá-los, mesmo que para que os mesmossejam impostos, seja necessário o recurso à violência.
Imagem 2- Atentado Terrorista
Como tal, o terrorista encontra na desobediência civil um meio para atingir os seus fins. As organizações terroristas irão, portanto, “desafiar” os governos através de atentados (bombistas suicidas, explosões) de modo a fazê-los ceder ao seu objectivo ou ainda por vingança, uma vez que uma elevada percentagem deatentados terroristas se baseiam em vinganças e ajustes de conta, especialmente entre os Estados Unidos da América e os países árabes e palestinianos (Iraque, Palestina, etc.)
Origem/Surgimento do terrorismo
O terrorismo, ao contrário de muitos outros temas, não tem um momento...
tracking img