Termodimanica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1262 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
P
ROCESSAMENTO DO
G
ÁS
N
ATURAL
G
ILSON
G
OMES DE
M
EDEIROS

52

O óleo rico contendo alto teor de hidrocarbonetos leves atravessa uma válvula e sofre umaexpansão para 1621 kPa, o que provoca uma queda de temperatura até

34 ºC e uma vaporizaçãoparcial. Em um vaso a jusante da válvula (denominado
vaso de expansão
), o vapor é liberado eencaminhado para a seçãosuperior da torre desetanizadora, na qual entra também, um pouco maisacima, uma corrente de óleo, de modo a promover uma re-absorção e assegurar a ausência decomponentes pesados no produto de topo, que é o gás residual de baixa pressão liberado a 1414 kPae

4 ºC.A desetanizadora tem ainda duas alimentações liquidas, uma dita “fria” e outra dita“quente”. Estas duas correntes são conseqüência dadivisão do líquido separado no vaso deexpansão em duas partes. A maior parte constitui a alimentação “quente”, assim chamada portrocar calor com o óleo pobre, se aquecendo até 40 ºC, e a corrente “fria”, a cerca de

34 ºC, vaidiretamente do vaso para a torre. O produto de fundo da desetanizadora é o óleo rico, ou seja, óleode absorção mais LGN, que será carga para a torre fracionadora. Orefervedor da desetanizadorautiliza calor do produto de fundo da fracionadora (óleo pobre), que antes pré-aquece a carga daprópria fracionadora (óleo rico), constituindo este circuito um sistema de recuperação de calor.Na torre fracionadora, são separados o LGN pelo topo e o óleo pobre pelo fundo. Ofracionamento ocorre em função do aquecimento fornecido por um forno que é o refervedor destatorre. Esteforno também fornece calor, através do óleo pobre, ao fundo da torre desbutanizadora.O LGN é condensado em um resfriador a ar, adquirindo as condições de 724 kPa e 38 ºC;parte dele volta à torre como refluxo e o restante segue para a torre desbutanizadora, onde seráseparado em GLP e gasolina natural. O óleo pobre troca calor com as correntes de processomencionadas anteriormente e fecha o cicloentrando nas torres absorvedora e desetanizadora.O produto de fundo da desbutanizadora é a corrente de C
5+
que pré-aquece a carga da torree sofre ainda um resfriamento subseqüente antes de ser armazenado à temperatura de 38 ºC. Oproduto de topo passa por um condensador, após o qual parte do líquido é bombeada de volta àtorre como refiuxo. A outra parte constitui o GLP, produto da unidade, que segueparaarmazenamento também a 38 ºC.
Turbo-Expansão
Este processo é normalmente adotado quando se deseja recuperar etano e componentesmais pesados. É indicado para gases disponíveis a alta pressão, embora também seja viável parapressões moderadas ou mesmo baixas. As recuperações que podem ser atingidas em um processo deturbo-expansão são as seguintes: etano

85%molar; propano

99%molar;butanos ehidrocarbonetos mais pesados

100%molar.O esquema de recuperação de líquidos consiste basicamente no resfriamento do gás porcorrentes frias da própria unidade, seguido de expansão no turbo-expansor. Com a liberação daenergia do gás, há um brusco abaixamento de temperatura e conseqüente condensação doshidrocarbonetos. Algumas vezes, é empregada refrigeração adicional através de um fluidoauxiliar,geralmente propano.Os fluxogramas simplificados a seguir apresentam o processo de turbo-expansão para umaUPGN capaz de produzir etano, propano, butanos e gasolina natural.O gás natural entra na unidade a 3236 kPa e 25 ºC, passa por um separador para remoção decondensado e segue para a sucção do compressor de carga, que eleva sua pressão até 6796 kPa.Após a compressão, a temperatura do gás éde 81 ºC, suficientemente elevada para fornecer calorao refervedor da
torre demetanizadora
. Depois deste refervedor, o gás a 52 ºC é resfriado comágua até 38 ºC e passa por um filtro, cuja finalidade é coalescer as gotículas de óleo porventuraarrastadas pelo gás e que poderiam prejudicar a operação das peneiras moleculares.


P
ROCESSAMENTO DO
G
ÁS
N
ATURAL
G
ILSON
G...
tracking img