Teorias Clássicas Sobre o Estado

Teorias Clássicas sobre o Estado Segundo:
Max Weber
Émile Durkheim
Karl Marx



Teorias Clássicas Sobre o Estado

Karl Heinrich Marx (1818 — 1883):

É de origem alemã eé considerado um dos fundadores da Sociologia. Também podemos encontrar a influência de Marx em outras áreas tais como: filosofia, economia, história já que o conhecimento humano, em sua época, nãoestava fragmentado em diversas especialidades da forma como se encontra hoje. Teve participação como intelectual e como revolucionário no movimento operário, sendo que ambos (Marx e o movimento operário)influenciaram uns aos outros durante o período em que o autor viveu. Atualmente é bastante difícil analisar a sociedade humana sem referenciar-se, em maior ou menor grau, à produção de K. Marx, mesmoque a pessoa não seja simpática à ideologia construída em torno de seu pensamento intelectual, principalmente em relação aos seus conceitos econômicos.A concepção de Estado para Karl Marx surge a partir da propriedade privada e da divisão social do trabalho. O Estado para ele criaria as condições necessárias para o desenvolvimento das relaçõescapitalistas. O Estado moderno funcionaria como um comitê executivo das classes dominantes, a chamada burguesia.

Émile Durkheim (1858 — 1917):
É um dos pais da sociologia moderna. Durkheim foi ofundador da escola francesa de sociologia, posterior a Marx, que combinava a pesquisa empírica com a teoria sociológica. É reconhecido amplamente como um dos melhores teóricos do conceito da coerçãosocial. Partindo da afirmação de que "os fatos sociais devem ser tratados como coisas".
Para Émile Durkheim, a concepção de Estado estaria preocupada com a coesão social. O Estado deveria estaracima das organizações comunitárias. O Estado cumpriria uma função moral sem fins conceituais ou religiosos, a exemplo disso, teríamos a Educação Pública. E a intermediação entre governantes e os...