teoria sobre o caso dos exploradores de caverna

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (319 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de setembro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
aso dos expTese sobre o cloradores de cavernas o(acusação)
Esse extraordinário caso trata de cinco exploradores que, no ano de 4.300 (imaginável) embrenhavam-se numa exploração de uma certacaverna. Adentraram-na e, quando já bem distantes houve um desmoronamento que bloqueou por completo a única saída que também houvera sido porta de entrada. Nesse momento pairou um total desesperonesses homens, que mantiveram-se no local onde houve o desmoronamento, na esperança de serem resgatados o mais rápido possível.
Eles contavam com escassos suprimentos alimentares, os quais sefindavam em no máximo dez dias como lhes disseram uma equipe médica por meio de um rádio que os exploradores tinham na caverna, com o qual mantinham a comunicação com um outro semelhante.
Um homemfalara em nome do grupo – Roger Wethmore, perguntando se sobreviveriam caso se alimentassem da carne de um deles. Ninguém queria responder (médicos, sacerdotes,etc) porém, um médico respondeu ácontragosto que sim.
Wethmore e seu grupo silenciaram por oito horas. N esse meio tempo decidiu-se que seria lançada a sorte, atentando-se para um par de dados que Wethmore trazia consigo. Porém,Wethmore desistiu do plano por achá-lo odioso e macabro,sendo que seus companheiros o acusaram de violar o acordo que ele mesmo propôs, dando continuidade ao lançamento de dados. Sendo adversa asorte, Wethmore foi morto no 23º dia após sua entrada na caverna,sendo que os quatro acusados foram resgatados no 32º dia.
Foi comprovado biologicamente que o corpo humano consegue sobreviver semingerir alimento sólido por 30 dias, comprovando desnecessário o ato de canibalismo, tipificado como homicídio no nosso código penal- CP.
Conclui-se que, os quatro acusados devem ser condenados aforca pelo homicídio de Roger Wethmore, segundo um princípio basilar dessa commoweath: “Quem quer que intencionamente privem a outrem da vida será punido com a morte”. (N.C.S.A) (N.S) parág 12- A....