Teoria naturalista e teoria contratualista

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (578 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Existem dois tipos de idéias sobre a sociedade sendo um da sociedade natural (Teorias Naturalistas), que é fruto da própria natureza humana, e o outro que sustenta a sociedade (TeoriaContratualista), sendo ela uma conseqüência de um ato de escolha que vem tendo através dos tempos.
As teorias naturalistas são as que possuem mais adeptos e que tem maior influência na vida concreta dentro doEstado.
Teoria Naturalista: Se define basicamente que o homem por mais que possa seguir uma vida “isolada” ele prefira por sua própria escolha natural viver em uma sociedade.
O fato que deixa aafirmação das teorias naturalistas mais claras e precisas encontra-se no século IV a.C., com a conclusão de Aristóteles de que “o homem é naturalmente um animal político”, para ele apenas um individuosuperior ao homem tentaria viver longe dos outros homens sem que isso fosse constrangido. E que os irracionais vivessem em permanente associação, ou seja, viveriam juntos por instinto, até porquesegundo ele entre todos os animais, o homem é o único que possui a razão, o sentimento do bem e do mal e do justo e do injusto.
Logo após sendo influenciado por Aristóteles temos Cícero (I a.C.) queafirma que existe um instituto de sociabilidade em todos inato. Sendo assim não seria as necessidades materiais o motivo da vida em sociedade, mesmo havendo, independente dela, uma disposição natural doshomens para a vida associativa.
Santo Tomás de Aquino o mais expressivo seguidor de Aristóteles afirma que “o homem é, por natureza, animal social e político, vivendo em multidão, ainda que todosos outros animais, o que se evidencia pela natural necessidade”. Ou seja, ele acaba reafirmando a existência de fatores naturais mostrando que o homem sempre procurará a associação com outros homens,como forma normal de vida.

Teoria Contratualista: Nessa teoria afirma que o homem não pela sua natureza mais sim por sua própria vontade acaba formando uma sociedade, como diz o nome teoria...
tracking img