Teoria dos sistemas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2689 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
TEORIA DOS SISTEMAS

Origem da Teoria dos Sistemas

Foi em 1956 a primeira vez que se falou em Teoria dos Sistemas. Um alemão chamado Ludwig von Bertalanffy, que publica um livro com este título. Ele demonstra o modelo de funcionamento dos sistemas, que poderia ser aplicado universalmente às ciências em geral, da física às humanidades. Supôs também que as ciências tinham a mesma forma e, emdecorrência, as descobertas feitas nos domínios de uma delas poderiam ser utilizadas pelas demais. Essa teoria se estendeu para diversas áreas do conhecimento chegando à Administração.
Desde Fayol, com suas seis funções da empresa, que se sabia da multidisciplinaridade, importante entre todas elas. A visão da empresa nessa época, porém, é ainda de um sistema fechado, com as atenções voltadasapenas para ela mesma.
Com a Teoria dos Sistemas uma nova abordagem aparece, a empresa passa a ser vista como um sistema aberto, que faz parte de um ambiente mutante, constituído de outros sistemas, e que ela, a empresa, constitui-se de subsistemas.
Isso quer dizer que o ambiente passa a ter uma relevância estupenda, tanto que desse momento para os dias atuais, ou seja, mais de 40 anos sepassaram e não houve nenhuma nova orientação nos estudos e esforços de natureza prática, que relegassem a um plano inferior a questão do ambiente. Tudo o mais que foi projetado tem o ambiente como defaut (sempre presente) de uma possível nova abordagem. Mesmo a Abordagem Contingencial, que veremos posteriormente, tem o ambiente como vital para as organizações.
Vejamos o caso de um empreendedor: Comotratar, montar sua organização de acordo com o ambiente no qual ela está inserida? Ao empresário, com uma organização já de razoável complexidade, como entender as incríveis e numerosas variáveis externas que afetam seu negócio?
Outra importante pesquisadora, Mary Parker Follet, falava também da necessidade de os gestores considerarem a “situação total”. Esta pioneira imaginava um modelo holísticode gerência, que incluía não apenas os indivíduos e os grupos, mas também os efeitos de fatores ambientais, como política, economia e biologia (MAXIAMIANO, 2002).
Temos uma nova leitura nos estudos das organizações, isto é, elas vivem num ambiente ou vivem em diversos ambientes, logo não podem ser tratadas, estudadas de forma isolada, como acontecia nas abordagens anteriores e mesmo naabordagem estruturalista que tem o mérito de abrir a organização “para fora” dela mesma. A base das indagações não seria apenas o interior das organizações ou mesmo a forma mais adequada de encaminhar problemas e estudos em geral. Os pesquisadores buscavam as influências do ambiente externo nas organizações. Note que neste momento não há uma preocupação de se adequar ao ambiente, mas entendê-lo. Asmudanças, frutos de adaptações ao ambiente externo, ainda não ocorriam dentro das organizações se considerarmos as abordagens anteriores.

Enfoque Sistêmico - O que é um Sistema?

Para melhor entender o termo Enfoque Sistêmico será necessário começar pela definição do que vem a ser um sistema. Aliás, é muito comum que as pessoas façam uma breve ligação aos sistemas do corpo humano, como o sistemanervoso ou o respiratório, por exemplo, quando se discute uma definição para tal. O que não é errado. Se você pensar com atenção, será possível perceber que a organização é um verdadeiro sistema, ou seja, um conjunto de partes coordenadas para realizar um número expressivo de atividades. Para alguns autores citados por Araújo, no caso Stoner e Freeman, 1999:

“Ao invés de lidar separadamente comvários segmentos de uma organização, a abordagem sistêmica vê a organização como um sistema unificado e propositado, composto de partes inter-relacionadas. Essa abordagem permite que os administradores vejam a organização como um todo e como parte de um sistema maior, o ambiente externo”.

Com a visão de sistema têm-se agora a complexidade, que é um grande número de problemas e variáveis...
tracking img