Teoria dos quatro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1537 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
SEMINÁRIO TEOLÓGICO BATISTA NACIONAL ENÉAS TOGNINI

TIAGO TAMIO DINIZ ISHIBASHI






TEORIA DOS QUATRO
TEMPERAMENTOS: NEEMIAS





























SÃO PAULO
1º SEMESTRE / 2009
SEMINÁRIO TEOLÓGICO BATISTA NACIONAL ENÉAS TOGNINI

TIAGO TAMIO DINIZ ISHIBASHI






TEORIA DOS QUATRO
TEMPERAMENTOS: NEEMIASTrabalho entregue a professora Neusa Murari Figueiredo como exigência parcial de nota semestral da disciplina Introdução à Psicologia.







SÃO PAULO
1º SEMESTRE / 2009


Sumário






|Apresentação ............................................................................................ |04 |
|Definições................................................................................................. |05 |
| Temperamento .......................................................................... |05 |
| Caráter ...................................................................................... |05 |
|Personalidade ........................................................................... |06 |
| Teoria dos quatro temperamentos ............................................. |06 |
|Neemias o FleCol ..................................................................................... |08 |
|Bibliografia................................................................................................ |11 |





















Apresentação


O presente trabalho tem o objetivo de apresentar a teoria dos temperamentos e analisar o temperamento de um personagem bíblico.

Para facilitar o entendimento deste trabalho, cabe uma breve explicação sobretemperamento, caráter e personalidade.




















































Definições





Temperamento

A palavra temperamento vem do latim “temperamentum” e significa “uma mistura em proporções”.

Segundo LaHaye (1984), “o temperamento é a combinação de características que herdamos de nossos pais”. Isto é, o temperamento égenético. Logicamente, a hereditariedade não forma totalmente o temperamento de uma pessoa, o ambiente em que nasce e desenvolve-se também influenciam, bem como a sua educação, os treinamentos realizados e suas motivações.

O temperamento define a forma de reação de um individuo frente a situações diárias. Ele é imutável, quer dizer, não é possível mudar de um temperamento para outro. Somenteatravés do Espírito Santo pode-se controlar e moldar o temperamento.





Caráter

Pode-se definir o caráter como “a marca de um indivíduo”. São os atributos que diferenciam uma pessoa da outra, a maneira de cada pessoa agir e expressar-se.

O caráter compõe a personalidade, este pode ser alterado e é geralmente usado para qualificar eticamente ou moralmente.

Para LaHaye(1984),

O caráter é próprio de você. A bíblia refere-se ao caráter chamando-o de “homem oculto do coração”. É o resultado de nosso temperamento natural modificado pelo treinamento recebido durante a infância, pela educação, pelas atitudes básicas, pelas crenças, pelos princípios e pelas motivações. Algumas vezes isso é referido como “a alma” do ser humano, que se compõe damente, das emoções e da vontade.


Personalidade

A palavra personalidade tem sua origem do latim “persona” que significa máscara. É o conjunto de atributos ou qualidades físicas, intelectuais e morais que caracterizam o indivíduo, é a expressão externa do “eu”. Segundo Lahaye (1984), “a personalidade é a nossa expressão exterior, que pode ser ou não a mesma coisa que o nosso...
tracking img