Teoria do conhecimento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1610 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CONHECIMENTO

Teoria do Conhecimento

Para compreender a teoria do conhecimento é necessário descobrir a definição da filosofia, pois a teoria do conhecimento tem peça fundamental na matéria filosófica.
A filosofia visa ampliar a compreensão da realidade no sentido de aprende-la na sua inteireza, sua razão, fonte de sabedoria de saber e a sede de conhecer e acumular seu conhecimento.Definir a filosofia não é muito fácil, para isso, os filósofos expressam as suas teses, de acordo com o fato histórico e com e com a sua visão de mundo.
O Sócrates, Platão e Aristóteles contribuíram na teoria do conhecimento na antiguidade na Idade Média no tempo moderno que John Locke com sua obra, ensaios sobre o entendimento humano em 1710, e Davi Hume, com o tratado da natureza humana em 1739 e1740 e outra obra, investigação sobre, Entendimento humano em 1748, Immanuel Rant, sua obra critica da razão pura em 1781, e seu sucessor, Fichte a teoria da ciência. Todos esses contribuíram para a teoria do conhecimento.
Os pré-socráticos com a teoria do conhecimento na Antiguidade, Heráclito defende com sua idéia pela luta da harmonia e para ele as coisas mudam constante para a compreensão e amultiplicidade das coisas. Parmênides defendeu com sua idéia do ser imóvel, único, infinito e visa o mundo de forma visível, onde tem o nascimento, vida e morte, com essa teoria surgiu o ser pensar com sua própria identidade.
Os Sofistas foram Pitágoras, Abdera, Gorgias de Leôncio, Hippias de Elis, Trasimaco, Pródico, e Hipodamo, contribuíram na teoria do conhecimento, com a organização doscurrículos de estudo, no ensino, no desenvolvimento da aritmética, glometria, astronomia e musica.
Sócrates com sua tese trata da moral, da justiça da coragem, da covardia e da piedade.
Platão tratava da justiça, prudência e forçava o interlocutor a busca a verdade e sua obra - A República.
Aristóteles, sua tese, o céu e terra, substância, essência e acidente, com a filosofia, metafísica e seuscosmos. Teve a contribuição da Patrística e da Escolástica.
A Patrística a suas teses eram escritas de forma a divulgar as doutrinas Cristãs e todas subjugavam o homem aos propósitos divinos.
A Escolástica as teses defendidas por Galileu Galileu, René Descartes, Francis Bacon e outros acabam prevalecendo frente aos ensinamentos da escolástica, que premia a filosofia e a religião, masdesprestigia a ciência. Na idade moderna o objeto deixa de ser o centro, o sujeito central, passa ser o saber humano. René Descartes apresenta o racionalismo, a forma de pensar e refletir.

HESSEN, Frederico Uber apud. Teoria do conhecimento, p.29, 1970.

CONHECER E SABER

Conhecer e saber sinônimos que estão relacionados com o conhecimento. Saber e conhecer significa ter a posse de informação, ternoção e idéia de algo que relaciona com o mundo e o ser. O conhecimento significa prática de vida, consciência de si e o efeito de saber e conhecer de forma metódica e organizada, busca a verdade, a razão.
FORMAS DE CONHECER

O ato de conhecer, surgi de maneira natural e o ser humano passa a compreender o seu mundo real do dia a dia e começar a racionar ter sua razão de viver e dá soluções paraos problemas e formular, formar e produzir conhecimento e saber.

TIPOS DE CONHECIMENTO

Os tipos de conhecimento são diferentes uns dos outros por características específicas e pelos objetos de estudo.
Os tipos de conhecimento são: popular, religioso, filosófico e cientifico.

CONHECIMENTO POPULAR

O conhecimento popular é um conhecimento comum dos homens, que se baseia na suaexperiência, dando base para outros tipos de conhecimentos.
As características do conhecimento popular são: superficial, sensitivo, subjetivo, assistemático e critico. Superficial, não examina as observações e acredita na maneira que viu ou ouviu. Sensitivo, relaciona com as aparências e suas emoções. Subjetivo, é individual que organiza as experiências vividas. Assistematico, não sistematiza as...
tracking img