Teoria de Voo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 26 (6396 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de novembro de 2014
Ler documento completo
Amostra do texto
APOSTILA DE TEORIA DE VÔO HE

Conceituação do Helicóptero

A sustentação dos aparelhos que voam é garantida por superfícies perfiladas denominadas ASA, as asas de um helicóptero são as pás do seu rotor.






Sobre tal superfície perfilada que se desloca no ar com a velocidade V, desenvolve-se umempuxo aerodinâmico vertical “Fn” dirigido para cima. É esta força aerodinâmica que, oposta ao peso do aparelho, possibilita o vôo dos “mais pesados do que o ar”.




A velocidade é então o elemento essencial que, sobre um perfil, produz forças aerodinâmicas de sustentação.















Em resumo: para se manter no ar o avião deve ser animado por uma velocidade “V” e ohelicóptero pode dispensar essa velocidade já que sua asa gira na velocidade “ωr”.












Portanto, um helicóptero voa segundo os mesmos princípios básicos que um avião convencional. Forças aerodinâmicas necessárias para manter o vôo são produzidas em suas asas (pás) quando o vento relativo passas sobre elas.
As pás do rotor, ou asas rotativas, é a estrutura quetorna possível o vôo dos helicópteros. A sua forma aerodinâmica produz força de sustentação quando gira através do ar. As pás do helicóptero são desenhadas para conseguir o máximo rendimento aerodinâmico.





Todas as aeronaves cuja sustentação é garantida por uma asa giratória (rotor) constitui a família dos GIROAVIÃO.
Existem três tipos de GIROAVIÕES: O helicóptero, o autogiro e oGiródino também conhecido como Ciclogiro.

PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO DO AUTOGIRO:







Princípio de funcionamento do helicóptero

Como já demonstrado anteriormente, a velocidade rotacional faz com que cada perfil aerodinâmico do rotor se desloque com a velocidade tangencial ω r e a força de sustentação Fn fornecida pelo rotor é perpendicular ao plano de rotação do mesmo.Descrição do Helicóptero

É uma aeronave que tem a estrutura constituída dos seguintes componentes: Rotores, grupo moto-propulsor e conjuntos mecânicos, estrutura e trem de pouso e outros componentes (sistemas de combustível, sistema hidráulico, etc). Sua performance depende diretamente da potência do motor e das características aerodinâmicas do rotor principal.CLASSIFICAÇÃO DOS HELICÓPTEROS:

AUTOGIRO:

Seu rotor gira livre sobre um eixo. Um grupo moto-propulsor gera a tração necessária para provocar a translação do aparelho. Esta translação provoca a rotação do rotor, que por sua vez assegura a sustentação.
O autogiro pode ser comparado a um avião, no qual a asa fixa foi trocada por asas rotativas. Ele não voa verticalmente nem realiza vôopairado.

GIRÓDINO:

Seu rotor, acionado por um motor, assegura somente a sustentação. A tração para criar o deslocamento à frente é obtida por meio de um grupo motopropulsor. É possível realizar vôo vertical.

HELICÓPTERO:

Com base nos componentes e na classificação mencionados, podemos dizer que um helicóptero é uma máquina de voar, constituída por uma estrutura, na qual sãomontados: uma cabina, um motor, rotores, transmissões e os necessários comandos e sistemas.

Tudo isso agrupado representa um certo peso, o qual requer uma necessária potência do motor para elevar o aparelho, ou melhor, para conseguir sustentação. Se houver suficiente potência do motor e se o rotor for capaz de transformar com sucesso essa potência para a performance desejada, o peso certamente serálevantado.

Daí concluirmos que, a performance do helicóptero para um dado peso, pode ser limitada por dois fatores:
1. potência do motor;
inabilidade do rotor em transformar a potência do motor em performance.

COMPONENTES DE UM HELICÓPTERO

Antes de entrar no estudo do funcionamento do helicóptero, faz-se necessário mostrar a arquitetura geral de um helicóptero convencional e...
tracking img