Teoria de jogos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 31 (7694 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Recebido em: 25/05/09 Aprovado em: 26/04/10

Aplicação da teoria dos jogos na análise de alianças estratégicas

Prof. Ms. Eduardo Botti Abbade (UNIFRA – RS/Brasil) - eduardo@unifra.br • Centro Universitário Franciscano – R. Silva Jardim, 1175, Rosário, CEP 97010-491, Santa Maria-RS

Resumo Este estudo tem o objetivo de discutir e compreender a aplicação da Teoria dos Jogos e suascontribuições e limitações no processo de formação de Alianças Estratégicas. O tema central é a formação de alianças estratégicas e a relação entre estas decisões e a aplicação da lógica da Teoria dos Jogos, principalmente jogos cooperativos, neste processo de formação de relações de cooperação. Este artigo é apresentado como um ensaio teórico e foca na funcionalidade e possível aplicabilidade da Teoria dosJogos, sendo usada no processo de análise e formação de Alianças Estratégicas e estruturas de cooperação. Verificou-se que a Teoria dos Jogos é considerada uma ferramenta matemática e econômica, com potencial a agregar no processo decisório de formação de Alianças Estratégicas. Entretanto, observa-se que existem algumas limitações metodológicas para a sua aplicação plena, dentre elas o equilíbriode Nash. Existem condições que devem ser satisfeitas, para que se possa aplicar a Teoria dos Jogos de modo satisfatório. Este ensaio conclui com sugestões para estudos futuros. Palavras-chave: Alianças Estratégicas; Teoria dos Jogos; Cooperação; Estratégia. Abstract This study has the aim of discussing and understanding the application of the Game Theory together with its contributions andlimitations in the formation process of strategic alliances. The core of this study is the formation of strategic alliances and the relationship between the logic of Game Theory, specifically cooperative games, and the formation of strategic alliance processes. This article is presented as an essay and focuses on the functionality and the possible application of Game Theory used in the process of analysisand formation of strategic alliances as cooperative structures. It was verified that the Game Theory is considered to have mathematical and economical potential for uniting functionality in the strategic alliance formation process. However, it was verified that there are some methodological limitations in the logic of the game theory; such as the logic of the Nash equilibrium. There are someconditions that have to be satisfied in order to be able to use the game theory’s contributions. The essay concludes with some suggestions for future research. Keywords: Strategic Alliances; Game Theory; Cooperation; Strategy.

Aplicação da teoria dos jogos na análise de alianças estratégicas

GEPROS. Gestão da Produção, Operações e Sistemas – Ano 5, nº 3, Jul-Set/2010, p. 131-147

1.INTRODUÇÃO
As alianças estratégicas, atualmente, vêm representando uma forma de aumentar a competitividade empresarial, frente ao contexto ambiental turbulento e de difícil acesso. Cada vez mais, os recursos necessários para uma organização não estão mais sob seu alcance direto. Isso faz com que seja necessário adotar uma postura de cooperação com outras organizações. A partir dessa postura, podem seraproveitadas oportunidades de mercado, as quais não estariam ao alcance da organização, caso ela optasse por agir sozinha. Tendo em vista as posições de cooperação interorganizacional, as alianças estratégicas são de grande relevância para o estudo da cooperação. Esta postura de cooperação entre organizações tem despertado grande interesse, tanto no meio acadêmico como no meio empresarial. Isso severifica na grande popularização do assunto e na compreensão de que a cooperação entre atores organizacionais é uma postura estratégica, muitas vezes, necessária para a obtenção de vantagem competitiva no mundo real, altamente globalizado e competitivo. De modo a ilustrar a tendência, com relação a este tipo de estratégia empresarial, Harbison e Pekar Jr. (1999) destacam que alianças têm sido...
tracking img