Teoria de gestalt

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1221 palavras )
  • Download(s) : 1
  • Publicado : 14 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
GESTALT
Considera-se que Von Ehrenfels, filósofo vienense de fins do séc. XIX foi o percussor da psicologia da Gestalt. O movimento gestáltico surgiu no período compreendido entre 1930 e 1940, e tem como expoentes máximos: Max Wertheimer (1980 – 1943), Wolfgang Kôhler (1878 – 1965), Kurt Koffka (1886 – 1941). A Psicologia da Gestalt afirma que as partes nunca podem proporcionar uma realcompreensão do todo. O todo é diferente da soma das partes.
Para Wertheimer  a Gestalt esta ligada ao todo “O todo é maior do que a soma das partes”.
A Gestalt também está ligada também Fenomenologia que estuda o fenômeno (todo) sem decompor em suas partes. (somente o todo faz sentido e dá sentido ao fenômeno). Apresentando então a Teoria da Percepção. Segundo esta teoria o que acontece no cérebro nãoé idêntico ao que acontece na retina. A extinção cerebral não se dá por pontos isolados, mas por extensão. Para esta teoria há leis de organização que regem a percepção humana das formas, facilitando a compreensão das imagens e ideias. Essas leis são nada menos que conclusões sobre o comportamento natural do cérebro, quando age no processo de percepção.
São estas, resumidamente, as Leis daGestalt: 
   
·        Lei da Simplicidade
·        Lei da Similidade
·        Lei da Proximidade
·        Lei da Boa Continuidade
·        Lei Figura Fundo

Bibliografia da Gestalt
O termo Gestalt, em português, significa forma ou configuração, porém não é muito utilizado em Psicologia por não condizer com seu significado nesta área especificamente.
A Psicologia da Gestalt é uma teoriacoerente dentro da história da Psicologia.
Desenvolvida por Chrinstiam Von Ehrenfels, filósofo e psicólogo, a Psicologia da Gestalt estuda as sensações (dado psicológico) de espaço-forma e tempo-forma (o dado físico).
As bases dessa teoria psicológica foram estruturadas a partir desses estudos, que estabeleciam a forma e sua percepção, por Max Wertheimer, Wolfgang Köhler e Kurt Koffka.
A Teoria daGestalt estuda a percepção e a sensação do movimento, os processos psicológicos envolvidos diante de um estímulo e como este é percebido pelo sujeito.
5 - GESTALT - A PSICOLOGIA DA FORMA
5.1 - Köhler, Wertheimer e Kofka
Köhler e os seus companheiros vão desenvolver todo um conjunto de investigações baseadas na noção de gestalt, podendo ser traduzido para português por forma, mas também pororganização, estrutura ou configuração.
A gestalt, ou Psicologia da forma, nasceu por oposição à Psicologia do século XIX, que tinha por objeto os estados de consciência. Köhler, Wertheimer e Kofka, criticam Wundt e a sua tentativa de decompor os processos mentais nos seus elementos mais simples. Os gestaltistas reagem contra esta concepção atomista e associacionista, invertendo o processo explicativo.Enquanto os associacionistas partem das sensações elementares para construir as percepções, os gestaltistas partem das estruturas, das formas, defendendo que nós percepcionamos conjuntos organizados em totalidades. A teoria da gestalt considera a percepção como um todo, e parte deste todo para explicar as partes; enquanto que os associacionistas partiam das partes para explicar o todo.
Porexemplo, uma melodia é ouvida como uma totalidade, como um conjunto e quando a escutamos, não temos consciência das notas que a compõem. Quando percepcionamos um automóvel, não vemos primeiro o tejadilho, depois as portas e em seguida as rodas, percepcionamos o automóvel como um todo e só depois passamos à análise dos elementos, dos pormenores. O todo é percebido antes das partes que o constituem. Aforma corresponde à maneira como as partes estão dispostas no todo.
O todo não é a soma das partes, na realidade, elas organizam-se segundo determinadas leis. Os elementos constitutivos de uma figura são agrupados espontaneamente e esta organização, segundo os gestaltistas, é inata. Wertheimer apresentou os princípios de organização perceptiva num artigo publicado em 1923.
1. Proximidade: partes...
tracking img