Teoria da contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1038 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de maio de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A moderna escola italiana, escola patrimonialista e escola neopatrimonialista

Americana
2011
A moderna escola italiana (Aziendalista)

A moderna escola italiana surgiu em 1922 e dura até os dias de hoje. É o fruto do longo processo evolutivo da contabilidade, defende que o objetivo da contabilidade é calcular o resultado das empresas. Seu principal pensador é Gino Zappa.
O aziendalismoantes de se desenvolver como grande escola de pensamento italiano teve suas origens com pesquisadores de outras partes do mundo: da França, Courcelle-Seneuil; da Rússia, Leo Gomberg; da Suíça, Johann Friedrich Schar; e da Alemanha H. Nicklisch e Rudolf Dietrich.
* Courcelle acenou para um complexo entendimento de toda a empresa como objeto comum científico. Para ele o capital não se confundecom o patrimônio liquido, nem o capital social. Afirma que uma coisa é o capital que uma pessoa coloca em uma empresa e outra é o capital da própria empresa e que soma todos os recursos que amealha para a consecução de seus fins ou suprimento de suas necessidades.
* Gomberg, foi o primeiro a despertar para uma economia aziendal, deu foco à economia e denominou a contabilidade comoEconomologia, tendo como função estudar todos os fatos gestão patrimonial. Estabeleceu a relação de causa e efeito para os fenômenos patrimoniais, relacionando o efeito ao débito e a causa ao crédito. Enunciava também que o Ativo era o efeito do Passivo, que por sua estrutura era a causa.
* Rudolf acrescentou em seus estudos do aziendalismo a visão de dinâmica patrimonial, em sua visão idealista entendiaque os fatores homem, natureza e trabalho só poderiam estar organizados para atender o social, e que o lucro deveria ser considerado como um fator patológico.
Dentro dessa escola tem ainda Gino Zappa, que foi o principal pensador, desenvolveu a doutrina da gestão econômica da empresa fundamentada no tripé: gestão, organização e contabilidade.
Na concepção de Zappa, o resultado é definido comoo acréscimo ou decréscimo sofrido pelo capital em determinado período administrativo, como consequência das operações da gestão. O resultado e o capital representam duas diferentes visões do mesmo fenômeno. O capital é a representação do conjunto de elementos do ativo e do passivo que irão gerar o resultado da entidade, ao passo que o resultado é a representação das mudanças dos componentespatrimoniais em um determinado período.
Conhecer periodicamente o resultado do período é indispensável para a análise do desempenho da entidade e de seus dirigentes, o que levou Zappa a dedicar grande atenção a este aspecto em seus estudos. Para ele, a gestão de cada exercício, é influenciada positiva ou negativamente pelos acontecimentos que tiveram lugar em períodos anteriores e do que venha aocorrer em períodos subsequentes.
O excesso de teoria foi o maior pecado da escola italiana.
Escola Patrimonialista
A escola patrimonialista surgiu em 1926 com a publicação do livro Ragioneria Generale, de Vincenzo Mazi. Segundo essa escola, o objetivo da contabilidade é o estudo do patrimônio. Esse, por sua vez, se dividiria em: contas de ativo, contas de passivo e contas diferenciais (opatrimônio líquido). Os críticos dessa escola, no entanto, afirmam que esse objetivo é demasiadamente ambicioso para os recursos de que disporia a contabilidade. Esses críticos se localizam principalmente na Itália, razão pela qual esta escola logrou maior sucesso fora de seu país de origem. Outro grande pensador desta escola é o brasileiro Frederico Herrmann Júnior.
Os teóricos desta escola (1926)definem o patrimônio como o objeto da contabilidade, pois o mesmo é uma grandeza real que se transforma com o desenvolvimento das atividades econômicas, cuja contribuição deve ser conhecida para que se possa analisar adequadamente os motivos das variações ocorridas no decorrer de determinado período.
Os fundamentos da doutrina patrimonialista se baseiam nos seguintes princípios:
1. O objeto da...
tracking img