Teoria da contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4136 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE ANHAGUERA-UNIDERP
CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTANCIA
POLO PRESENCIAL IACS
CURSO CIÊNCIA CONTABEIS

DEISE GABRIELA OCHOA - RA 357740
DIVA GRASIELE ALCANTARA LORENTZ – RA 351013
INAIARA CRISTINA DA SIQUEIRA RA 388257


INTRODUÇÃO A TEORIA DA CONTABILIADADE

PROFESSOR:

TAQUARA
2012

SUMÁRIO

1 História, Conceitos e Evolução da Teoria da Contabilidade 21.1 A origem da Contabilidade 2
1.2 Os primeiros sinais que evidenciam a existência da Contabilidade na antiguidade 2
1.3 A evolução da Contabilidade desde os primeiros registros até as partidas dobradas 3
2 Importância da Contabilidade, Objetivos e sua Aplicação 5
3 PrincÍpios fundamentais da contabilidade 7
3.1 quadro comparativo entre os princípios e postuladoscontábeis emitidos pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e os princípios segundo o Conselho Federal de Contabilidade (CFC) e o Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC) 8
4 Ativo e formas de avaliação do ativo 9
5 Passivo e Patrimônio Líquido 11
6 Receitas, Despesas, Perdas e Ganhos 12
Referências 13

1 História, Conceitos e Evolução da Teoria da Contabilidade

1.1 A origem daContabilidade

Inicialmente, as pessoas realizavam atividades de produção e consumo de seus próprios bens, de maneira que a terra era acessível a todos, o que se retirava dela, se consumia. A medida em houve um crescimento da civilização, originando novas demandas, passou-se então a ser utilizada a troca de mercadorias e posteriormente foi estabelecido o comércio, o que alavancou a necessidadede controle e mensuração dos objetos comercializados, a fim de estipular um valor sobre as mercadorias, que confrontasse com as demais, bem como conceder a cada indivíduo uma informação precisa quanto a sua riqueza. Assim, pode-se dizer que a origem da contabilidade está ligada ao crescimento do comércio, o qual foi realizado nas principais cidades da Antiguidade. Há que se considerar que háregistros dos negócios efetuados pelo governo egípcio datados de 2.000 a. C.
De acordo com Xavier Filho (2006, p. 3),

No tocante à Ciência Contábil , ou a contabilidade como muitos a conhecem embora que de uma forma simplista e restrita em atuação, há confusões quanto à definição com precisão de sua origem, fato perfeitamente entendido, pois não conhecemos integralmente o passado e a cadadescoberta arqueológica encontramos registros que indicam o uso de sistemas contábeis de controle, mesmo assim, datas são trazidas à tona para determinar a amplitude cronológica de estudo.

1.2 Os primeiros sinais que evidenciam a existência da Contabilidade na antiguidade

Registros egípcios forneceram aos historiadores da Contabilidade um riquíssimo acervo, seus registos remontam a 6.000 anos antesde Cristo. De acordo com o portal eletrônico Gesbanha:
A escrita no Egito era fiscalizada pelo Fisco Real, o que tornava os escriturários zelosos e sérios em sua profissão. O inventário revestia-se de tal importância, que a contagem do boi, divindade adorada pelos egípcios, marcava o inicio do calendário adotado. Inscreviam-se bens móveis e imóveis, e já se estabeleciam, de forma primitiva,controles administrativos e financeiros.
As "Partidas de Diário " assemelhavam-se ao processo moderno: o registo iniciava-se com a data e o nome da conta, seguindo-se quantitativos unitários e totais, transporte, se ocorresse, sempre em ordem cronológica de entradas e saídas. Pode-se citar, entre outras contas: "Conta de Pagamento de Escravos", "Conta de Vendas Diárias", "Conta Sintética Mensal dosTributos Diversos", etc.

Tudo indica que foram os egípcios os primeiros povos a utilizar o valor monetário em seus registos. Usavam como base, uma moeda, cunhada em ouro e prata, denominada "Shat". Era a adoção, de maneira prática, do Princípio do Denominador Comum Monetário. Há 5.000 anos antes de Cristo, o homem já considerava fundamental apurar os seus custos, através de escavações foram...
tracking img