Teoria da contabilidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 39 (9685 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de dezembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
UNIVERSIDADE ANHANGUERA - UNIDERP
CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS

DISCIPLINA: TEORIA DA CONTABILIDADE

PROFESSORA – MA. JULIANA KIRCHNER E HUGO SANTANA

PROFESSORA TUTORA –

DESAFIO DE APRENDIZAGEM

DEZEMBRO/2011

DESAFIO DE APRENDIZAGEM

Trabalho realizado, como requisito avaliativo da disciplina: Teoria dacontabilidade, ministrada pela Professora – Ead: Me. Juliana Kirchner e Hugo Santana, do Curso de Ciências Contábeis / 2º período.

PAU DOS FERROS/RN

DEZEMBRO/2011

EMPRESAS

CESP: Companhia Energética de São Paulo
A CESP foi inicialmente constituída, em 5 de dezembro de 1966, pela fusão de onze empresas de energia elétrica que atuavam isoladamente, a fim de centralizar o planejamento eracionalização dos recursos do estado de São Paulo no setor energético, recebendo o nome de Centrais Elétricas de São Paulo.

CONSERN: A Companhia Energética do Rio Grande do Norte.
É a empresa responsável pela distribuição de energia no Estado do Rio Grande do Norte. Foi criada pela lei estadual nº 2.721, de 14 de dezembro de 1961, regulamentada pelo decreto estadual nº 3.878, de 8 de janeirode 1962 e autorizada a funcionar como empresa de energia elétrica pelo decreto federal nº 1.302, de 3 de agosto de 1962.

ELETROBRÁS: Centrais Elétricas Brasileiras S.A.
A Eletrobrás é uma sociedade de economia mista e de capital aberto sob controle acionário do Governo Federal brasileiro e atua como uma holding, dividida em geração, transmissão e distribuição. Criada em 1962 para coordenartodas as empresas do setor elétrico. A reestruturação do setor na década de 1990 reduziu as responsabilidades da empresa, com a criação da ANEEL, do ONS, da CCEE e da EPE. Seu atual presidente é o engenheiro José da Costa Carvalho Neto.

a) Em conformidade à Lei das Sociedades por Ações, ao fim de cada exercício
social, uma entidade deve apresentar, obrigatoriamente, quais demonstraçõescontábeis ?

COSERN
A Lei no 6.404, de 1976, estabeleceu em seu art. 176 que ao fim de cada exercício social a diretoria fará elaborar, com base na escrituração mercantil da companhia, as seguintes demonstrações financeiras:
1. Balanço patrimonial;
2. Demonstração dos lucros ou prejuízos acumulados;
3. Demonstração do resultado do exercício; e
4. Demonstração das origens e aplicações de recursos.Referidas demonstrações serão complementadas por notas explicativas e outros quadros analíticos, ou demonstrações contábeis necessárias para esclarecimento da situação patrimonial e do resultado do exercício.

ELETROBRÁS
Balanço patrimonial.
-Demonstração dos Lucros ou prejuízos acumulados;
-Demonstração do resultado do exercício
-Demonstração de Fluxo de Caixa
-Se a companhia aberta,demonstração do valor adicionado.
Art. 7º, L-011.638-2007 – Sociedade por Ações – Sociedade de grande porte – Elaboração e divulgação de demonstrações financeiras – Alteração ;Art. 188, demonstração das origens e aplicações.

CESP
As demonstrações contábeis que cada entidade deve apresentar ao fim de cada exercício social são: Ativo, Passivo, Patrimônio Líquido, Receitas e Despesas.

b) O BalançoPatrimonial das três empresas analisada encontram-se estruturados de acordo com o estudo visto na disciplina de Teoria da Contabilidade, e em conformidade às recentes alterações introduzidas pelas Leis 11.638/07 e Lei 11.941/09? Elabore um texto identificando quais as principais divergências ou convergências dos demonstrativos apresentados.

COSERN
A partir do exercício findo em 2010, asdemonstrações financeiras apresentadas pela COSERN estão em conformidade com o padrão contábil estabelecido pelo International Accounting Standards Board – IASB (conhecido como IFRS) e consubstanciado na Instrução CVM nº 457, de 13 de julho de 2007 que determina a aplicação desta nova prática contábil a partir do exercício findo em 2010.
A promulgação das Leis nº 11.638/07 e 11.941/09 instauraram...
tracking img